A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 22 de Outubro de 2018

01/10/2018 10:06

Escola aciona polícia e mãe vai presa por agredir filha com cabo de vassoura

O caso aconteceu na sexta-feira (28), mas a suspeita vai passar por audiência de custódia nesta manhã (1º) na Justiça

Viviane Oliveira
Sala onde acontecem as audiências de custódias no Fórum (Foto: arquivo/Campo Grande News) Sala onde acontecem as audiências de custódias no Fórum (Foto: arquivo/Campo Grande News)

Auxiliar de serviço de limpeza de 30 anos foi presa por agredir a filha de 10 anos com cabo de vassoura, no Bairro Guanandi, região sul de Campo Grande. O nome da mãe não será divulgado para preservar a identidade da criança. O caso aconteceu na sexta-feira (28), mas a suspeita vai passar por audiência de custódia nesta manhã (1º) na Justiça para definir se ficará presa.

Conforme boletim de ocorrência, a aluna foi encontrada chorando no banheiro com uma lesão na região lombar reclamando de dores no antebraço esquerdo. Questionada, a menina contou que havia apanhado de sua mãe com um cabo de vassoura. A diretora, então, acionou a Polícia Militar e o Conselho Tutelar.

A mãe foi encontrada em casa e confirmou a situação justificando à polícia que a filha apanhou porque desobedeceu e saiu com as amigas sem a sua permissão. A mulher, o padastro da criança e a vítima foram levados à Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) para prestar esclarecimentos.

Durante depoimento no setor psicossocial, a menina confirmou que apanhou porque havia desobedecido e mostrou o braço esquerdo inchado e uma marca vermelha nas costas. A criança passou por exame de corpo de delito no Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal). A mulher foi autuada por lesão corporal dolosa (violência doméstica).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions