A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

17/06/2013 10:27

Escola estadual suspende aulas e faz mutirão após estragos da chuva

Jéssica Benitez e Aliny Mary Dias
Funcionários de escola estadual se organizaram para limpar o colégio onde trabalham (Foto: Marcos Ermínio) Funcionários de escola estadual se organizaram para limpar o colégio onde trabalham (Foto: Marcos Ermínio)
Armário que ficava na parte externa da escola voou com a força do vento (Foto: Arquivo pessoal)Armário que ficava na parte externa da escola voou com a força do vento (Foto: Arquivo pessoal)

Cerca de 30 funcionários da Escola Estadual Maestro Frederico Liebermann, localizada no bairro Monte Castelo, em Campo Grande, fizeram espécie de mutirão e estão neste momento limpando o colégio para minimizar os danos causados pela forte chuva deste domingo.

Por conta dos estragos as aulas foram canceladas em todos os turnos fazendo com que 900 alunos fiquem em casa hoje.

Um levantamento prévio contabiliza que 14 telhas foram quebradas, um armário destruído e muita sujeira de folhas e galhos de árvore.

A água entrou justamente na sala de tecnologia e o diretor da unidade, Fernando Rogério Rodrigues, a frente da escola há 15 anos, teve que ir ao local para tirar os computadores do cômodo atingido. Ao Campo Grande News, ele contou que foi chamado pelo agente patrimonial do lugar, por volta das 9h.

“Em todos esses anos, esta é a primeira vez que há um estrago tão grande”, relatou. O Corpo de Bombeiros foi acionado ainda na manhã de ontem, porém até o momento não apareceram.

Fernando também entrou em contato com a SED (Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso do Sul).

A pasta informou que outras unidades de ensino foram atingidas e, portanto, ele deve aguardar atendimento. A secretaria também pediu que ele enviasse imagens de como ficou a escola.

Ontem, o diretor documentou a situação por meio de fotos e publicou na rede social Facebook para que os alunos soubessem que não haveria aula hoje. Mesmo assim vários estudantes apareceram esta manhã.

No mesmo bairro, na Rua Dona Idalina, esquina com Sebastião Taveira, uma árvore obstrui passagem de motoristas que trafegam na via desde ontem.

Morador da região, Enendino Dias, 57 anos, não acreditava que o estrago seria tão grande. “Pensei que fosse uma chuva normal”, disse.

Durante discussão, adolescente de 17 anos é esfaqueado pelo amigo
Um jovem de 17 anos foi levado em estado grave para a Santa Casa após ser esfaqueado na noite deste sábado, na frente da casa em que mora no Bairro G...
Após furtar obra, ladrão é capturado por moradores e ferido a tiros
Marcio Estacio Duarte Teixeira, de 31 anos, foi socorrido a Santa Casa de Campo Grande após ser atingido por dois tiros na madrugada deste domingo (1...


Parabéns ao Agente de Segurança Patrimonial que notando o sinistro comunicou a direção da escola!
 
Janice Alves em 17/06/2013 12:58:55
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions