A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

21/08/2013 10:43

Estoque de sangue no Hemosul é o mais baixo dos últimos sete anos

Aliny Mary Dias
Estoques baixaram a níveis críticos e Hemosul recorreu a imprensa (Foto: Aliny Mary Dias)Estoques baixaram a níveis críticos e Hemosul recorreu a imprensa (Foto: Aliny Mary Dias)

A baixa quantidade de doações de sangue registradas nos primeiros 15 dias de agosto deste ano fizeram com que os estoques do Hemosul ficassem no pior nível dos últimos 7 anos. Segundo a Hemorrede de Mato Grosso do Sul, o tempo seco e as doenças respiratórias contribuíram para o sumiço dos doadores.

A estiagem já dura 50 dias na Capital e a falta de chuva faz com que a população fique mais suscetível a doenças respiratórias.

Com média de 150 doadores por dia, a primeira quinzena do mês registrou até 30 doadores. Situação que baixou o estoque a níveis críticos. A tipagem O+, por exemplo, precisa de uma média de 200 bolsas no estoque, mas com a falta de doadores, o tipo sanguíneo chegou a ter 30 bolsas.

A saída encontrada pelo Hemosul foi a busca ativa de doadores cadastrados e até ligações nos veículos de comunicação da cidade. “Nós ligamos para os doadores, mas não teve resultado, então tivemos que ligar em cada jornal para que divulgassem nosso chamado”, explica a assessora de imprensa da unidade, Mayra Franceschi.

Com a divulgação em telejornais e sites, a procura dos doadores aumentou no fim da última semana e hoje os estoques começam a voltar ao normal. Os tipos sanguíneos que ainda precisam de doações mais urgentes são: O+, A+ e O-.

Claire Vargas tem 21 anos e foi até o Hemosul na manhã desta quarta-feira (21) fazer a primeira doação da vida. “Eu sempre tive vontade de doar, mas fiz uma tatuagem e tive que esperar 1 ano. Agora eu pretendo ajudar as pessoas mais vezes”, conta.

Hemosul fica na Avenida Fernando Corrêa da Costa (Foto: Aliny Mary Dias)Hemosul fica na Avenida Fernando Corrêa da Costa (Foto: Aliny Mary Dias)

O comerciante Wesley da Silva também resolveu doar após ver o pedido do Hemosul na televisão. “Eu nunca pensei em doar, mas vi que estavam precisando e resolvi fazer minha parte”, explica.

Entre os novatos, há quem tenha o hábito de doar sangue há mais de 20 anos. Ivanir do Amaral, 39 anos, começou a dor aos 18 quando participou de um evento ciclístico. “Eu comecei e nunca mais parei. Indico a todos que doem porque podemos salvar vidas”.

Para doar sangue é necessário ter entre 18 e 67 anos, pesar 55 quilos, estar bem alimentado e bem de saúde. Também é preciso levar documento oficial com foto e estar descansado. O Hemosul da Capital fica na Avenida Fernando Corrêa da Costa número 1.304 no centro.

Com baixa de 80% nas doações, Hemosul convoca doadores para garantir estoque
Com os estoques em baixa por mais de 15 dias e queda de ao menos 80% nas doações, a Hemosul (Centro de Hemotologia e Hemoterapia) pede ajuda para gar...
Hemosul está precisando de doação de todos os tipos de sangue
O Hemosul (Centro Hematologia Hemoterapia de Mato Grosso do Sul) está convocando doadores devido ao baixo estoque de bolsas de todos os tipos sanguín...
Hemosul convoca doadores para reforçar estoque "esvaziado" pelo frio
O Hemosul da Capital está convocando doadores devido ao baixo estoque de bolsas de todos os tipos sanguíneos. Com a chegada do inverno, a redução de ...
Familiares pedem doação no Hemosul de sangue O positivo
Familiares e amigos estão pedindo doação de sangue O positivo para a paciente Luciana de Oliveira Cardoso Clemente. As doações devem ser feitas no He...


Final de semana também é possivel fazer doação ?
 
Beatriz Soares em 21/08/2013 13:57:44
A situação é complicada, existe o erro humano que as vezes não permite ao doador que faça sua parte, mas aí vai do bom senso, no caso da Miranilde é um absurdo que a pessoa na hora já não resolva o problema, é um erro visivel, não tem o que discutir, faltou bom senso. Fora isso a prefeitura, hemocentro e hospitais que coletam doação de sangue precisavam fazer uma campanha, propaganda, expor que o doador tem suas vantagens, por exemplo, quase ninguem sabe que o doador com sua carteirinha tem o mesmo direito do estudante, paga meia entrada em cinema, teatro, etc, tem que divulgar, ninguem fala nada.
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 21/08/2013 13:17:57
Acredito que a baixa no estoque de sangue se dá em virtude da demora no atendimento. Após ver na TV alguns pedidos para doação de sangue, eu e minha mulher acordamos cedo no sábado (17/08) para doar. Fomos até a Santa Casa, porem, o setor de doação, não funciona final de semana. Fomos até o Hemosul, no qual, já havia cerca de umas 20 pessoas aguardando. Esperamos por cerca de 1 hora e nada. Era possível notar o descontentamento por parte de algumas pessoas que ali aguardavam, devido a demora no atendimento, falta de mais profissionais para atendimento. Nesse período, resolvemos ir embora. O Hemosul precisa na verdade, é agilizar o atendimento, colocar mais enfermeiras, pois pessoas querendo doar, têm e não vir reclamar que está com o estoque baixo, etc..
 
Emerson Lombardi em 21/08/2013 12:34:53
Bem complicado essa situação.Eu por exemplo sou adoadora cadastrada faz algum tempo já, porém na última vez que estive no Hemosul para realizar a doação, fui impedida de doar por um erro interno do Hemosul, alteraram a data que eu estava liberada para doar sangue, com isso só posso realizar doação em 2053, nem sei se vou estar viva até lá.Mas, até ai tudo bem, somos humanos e estamos suscetíveis a erros, mas pegaram o número do meu celular e disseram que irão me ligar assim que meu cadastro fosse normalizado.Estou esperando a ligação até hoje.Com tudo, será que estão mesmo precisando tanto de sangue como publicado? Tenho minhas dúvidas.
 
Miranilde Monteiro em 21/08/2013 11:43:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions