A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

26/11/2013 09:39

Estudantes farão mobilização contra violência na região da Uniderp

Luciana Brazil
Evento criado ontem deve reunir cerca de 300 pessoas. (Foto: Reprodução Facebook)Evento criado ontem deve reunir cerca de 300 pessoas. (Foto: Reprodução Facebook)

Um acadêmico do curso de Direito da Anhaguera Uniderp, em Campo Grande, está mobilizando alunos da universidade para, na próxima sexta-feira (29), às 18h30, uma manifestação contra violência na região. Recentemente o dono de uma lanchonete, que fica em frente à instituição, foi baleado durante um assalto.

“Me indignei e resolvi criar um evento no Facebook contra a violência”, disse o acadêmico, autor da iniciativa, Wellington Mendes dos Santos.

O protesto intitulado como “Mais segurança, é bom”, que será realizado em frente à universidade, pretende despertar a atenção das autoridades para o problema que se instalou na região. O estudante espera reunir cerca de 300 pessoas.

Os estudantes, segundo Wellington, querem mais segurança, com rondas policiais nos horários de saída e entrada dos alunos. A iluminação nas ruas e nos terrenos também fazem parte das reivindicações. 

Violência - Além do assalto na última sexta-feira (22), que terminou com o dono da lanchonete baleado e três estudantes assaltados, os roubos de veículos são constantes no local. Falta iluminação pública, e uma grande área, localizada em frente à instituição, é usada frequentemente por usuários de droga.

“Já roubaram vários carros no local. Já vi várias vezes moto sem roda. Ali é muito escuro, não tem iluminação nenhuma”.

Hoje, Wellington vai passar nas salas de aula divulgando a mobilização. A intenção do protesto é fechar a Rua Ceará.

Na mesma região os estudantes Breno Luigi Silvestrini de Araujo, 18 anos, e Leonardo Batista Fernandes, 19 anos, foram sequestrados quando saiam de um bar, próximo à universidade. Os dois foram mortos horas depois.

Ladrões roubam lanchonete, fazem disparos e ferem dono na Capital
Um assalto a uma lanchonete na Rua Ceará, no Bairro Chácara Cachoeira, em Campo Grande, em frente à Universidade Anhaguera Uniderp, na última sexta-f...
Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...


Parabéns pela iniciativa, sou estudante da UNIDERP e realmente é um fato a falta de segurança, iluminação, e infelizmente esperam acontecer algo trágico para no outro dia apenas comparecer nem meia dúzia de policiais pra dizer que estão fazendo segurança do local.
Para aquela região só sabem mandar policiais de transito, que é para multar os carros e as motos que ficam estacionados na faixa amarela, na hora de arrancar dinheiro de nós cidadãos sabem né, trazer segurança que é bom NADA... Vão esperar morrer mais quantas pessoas?? vão esperar mais quantas pessoas serem assaltadas?? Sequestradas?? Somos muito acomodados naquilo que não nos favorece, temos que aprender a ir pra rua mesmo e reivindicar aquilo que é por nosso direito. SEGURANÇA.
 
caroline krugel em 27/11/2013 09:47:28
Parabéns! Bela iniciativa meu garoto!
 
Givanildo Ribeiro em 26/11/2013 14:19:31
Boa iniciativa!
 
Marcos Vinicius em 26/11/2013 13:57:15
NESSA REGIÃO MORA O ILUSTRÍSSIMO "VEREADOR EDIL ALBUQUERQUE" QUE SEMPRE FECHA OS OLHOS PARA OS PROBLEMAS DA REGIÃO, TEM UM SOBRADO SEMI ACABADO QUE FICA NA RUA ELVIRA COELHO MACHADO, ONDE OS JOVENS BRENO E LEONARDO FORAM PEGOS, DIZEM NA REGIÃO QUE VÁRIAS RESIDÊNCIAS ESTÃO A VENDA, SENDO QUE ALGUMAS PERTENCEM A PESSOAS DO PODER JUDICIÁRIO, SENDO PROCURADOR DE JUSTIÇA, PROMOTOR DE JUSTIÇA E UMA RESIDÊNCIA DESOCUPADA QUE É DE UM DESEMBARGADOR, ENTÃO PESSOAS DA JUSTIÇA QUE PODERIAM DE ALGUMA FORMA PEDIR SEGURANÇA PARA TODOS, OS ESTUDANTES ESTÃO TODOS OS DIAS ENTREGUE A SORTE, OS MORADORES NA MESMA SITUAÇÃO MEDO NA HORA DE SAIR DE SUA RESIDÊNCIA E PRINCIPALMENTE NA CHEGADA, NESSA REGIÃO DA UNIDERP MORA TAMBÉM UM CORONEL REFORMADO DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO, QUEREMOS SEGURANÇA URGENTE.
 
fabiano mossaim em 26/11/2013 13:21:16
Veja bem, não é verdade que os veículos estão sem a atenção necessária lá não.... há poucas semanas, num dia em que era impossível ir de onibus ou de moto, a agetran enviou 2 agentes para multar quem estivesse estacionado naquelas ruas paralelas afrente da uniderp. Não havia, sequer, uma vaga nos estacionamentos em volta... Ou seja, a p.. do governo quer arrecadar mas não cumpre o papel nem na segurança pública na mesma região.....
 
Elton Wild em 26/11/2013 13:00:13
Realmente ali em frente a Uniderp existe um descaso da segurança publica, é raridade ver policiais nesse região e devido a muitos terrenos baldios e ruas sem iluminação, os marginais encontram facilidade para praticar assaltos e furtar veículos.
 
Marcos Wild em 26/11/2013 12:00:32
Apoio o movimento pela PAZ, não apenas na região, mas em qualquer local...está faltando amor no coração das pessoas!!! Estão faltando punições mais severas para que o crime realmente não compense!!!
 
Simone Carvalho em 26/11/2013 11:12:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions