A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 26 de Fevereiro de 2020

17/01/2020 11:24

Ex-enteada de procurado por estuprar filha presta depoimento

A jovem chegou à delegacia às 10h20, desta sexta-feira (17). A suspeita é de que ela também tenha sido violentada pelo padrasto

Viviane Oliveira e Danielle Errobidarte
Caso segue sendo investigado pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (Foto: Marcos Maluf) Caso segue sendo investigado pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (Foto: Marcos Maluf)

Uma das ex-enteadas do serralheiro de 33 anos procurado por estuprar a filha de 7 anos, com a ajuda da mãe da criança, presta depoimento na Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) nesta sexta-feira (17). A jovem chegou à delegacia por volta das 10h20 e ainda está sendo interrogada. A suspeita é de que ela também tenha sido violentada pelo padrasto quando era adolescente. 

Conforme a polícia, o serralheiro já tinha 15 passagens pela polícia, por importunação sexual, violência doméstica e estupro. O serralheiro é foragido da Justiça desde julho de 2019, quando foi sentenciado a um ano de prisão por violência doméstica, justamente por agredir a ex-mulher em 2012. Agora já teve prisão preventiva decretada, por conta da nova denúncia, assim como a mãe das crianças.

Há pelo menos seis meses ele vivia num cômodo no Jardim Tijuca com a companheira, uma ex-enteada (autista), irmã da jovem que presta depoimento nesta manhã. A ex-mulher, de 42 anos, tem oito filhos, sendo quatro com ele, com idades de 13, 12, 7 e 4 anos: três meninos e uma menina. 

Chocante - O caso veio à tona na tarde de quarta-feira (15), quando o Conselho Tutelar foi acionado para resgatar os 4 irmãos, após denúncia de vizinho que recebeu vídeo do serralheiro, em que mostra a menina nua com os pais. A situação encontrada pela polícia foi degradante. O casal não foi encontrado no local e está sendo procurado.

A reportagem conversou com vizinhos na vila de casas no bairro. Há cerca de seis meses, o homem mudou-se com a nova companheira e, semanas depois, as quatro crianças foram levadas para lá. Embora tenha se separado dele, a ex-mulher frequentava a casa e os vizinhos acreditam que os três mantinham relacionamento. Quando passavam pelo corredor, viam, pela porta aberta, o homem e as duas mulheres – mãe e filha – deitadas com ele, na cama.

Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions