A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 16 de Agosto de 2018

06/10/2016 12:33

Ex-integrante do Grupo Acaba teria sido baleado em briga com empresário

Luana Rodrigues
Bar na Rua Pedro Celestino onde ocorreu o crime. (Foto: Luana Rodrigues)Bar na Rua Pedro Celestino onde ocorreu o crime. (Foto: Luana Rodrigues)

A polícia ainda não sabe quem atirou contra o ex-integrante do Grupo Acaba, Eduardo Lincoln Gouveia, 60 anos, baleado com tiro no abdômen, na noite de ontem (5), em um bar da Rua Pedro Celestino, na região Central, em Campo Grande.

De acordo como boletim de ocorrência, ninguém no local quis contar a polícia como o crime ocorreu. No entanto, o Campo Grande News foi até o bar e conversou com o proprietário, Nelson Ocama. Ele contou que Lincoln chegou ao bar por volta das 20h40 e passou a discutir com outro cliente, identificado como Fauez Mohamed Ayoub, empresário conhecido na Capital.

O comerciante disse que não entendeu o motivo da briga, mas viu quando o cliente levantou e os dois passaram a discutir ainda mais alto. Algumas pessoas que estavam no bar teriam tentado apartar a briga, mas o suspeito sacou um revólver e atirou contra o músico.

Outra testemunha, que preferiu não se identificar, confirmou esta versão da história.

O Corpo de Bombeiros foi chamado e socorreu Lincoln até a Santa Casa. O músico deu entrada no hospital por volta das 21h e passou por cirurgia às 3h da manhã de hoje e aguarda transferência para o CTI (Centro de Terapia Intensiva). Segundo a assessoria de imprensa da unidade, o estado de saúde dele é estável.

Acaba - Criado em 1969, o Acaba é um grupo regional de raiz do Mato Grosso do Sul, que ficou conhecido por divulgar o folclore desde o antigo Estado de Mato Grosso.

Esse ano, o grupo completou 50 anos com a gravação de um DVD de comemoração com canções clássicas do repertório da Associação de Compositores do Bairro Amambaí e terminou com uma verdadeira escola de samba com direito a bateria, musa inspiradora e muito samba no pé em pleno palco do Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo. A gravação foi no dia 25 de setembro.



O Eduardo onde ia fazia amigos, difícil acreditar que algo grave cometeu p/levar o tiro, ele é assíduo frequentador do Thomas Lanchonete ali no cantinho ao lado do caixa e amigo dos donos, tocava também no MADÁ e em qualquer lugar que chegava. Espero que se recupere rapidamente.
 
Sérgio Marinho Marques Cavalcanti em 06/10/2016 14:31:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions