ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SÁBADO  16    CAMPO GRANDE 20º

Capital

Ex-moradores de rua são encaminhados ao mercado de trabalho

Serviço foi realizado na Unidade de Acolhimento Institucional para Adultos e Famílias que é casa de passagem

Por Lucia Morel | 27/09/2021 17:22
Acolhidos são atendidos na unidade. (Foto: Divulgação prefeitura)
Acolhidos são atendidos na unidade. (Foto: Divulgação prefeitura)

Ação itinerante da Funsat (Fundação Social do Trabalho) em Campo Grande, encaminhou 20 pessoas abrigadas que anteriormente moravam na rua para o mercado de trabalho. O serviço foi realizado na UAIFA I (Unidade de Acolhimento Institucional para Adultos e Famílias) que é uma casa de passagem.

Um dos beneficiados foi o senhor Nilton Vieira, que veio do interior do Estado há quase cinco anos e, desempregado foi abrigado na UAIFA I. “Eu sei que têm muitas oportunidades de emprego, eu precisei organizar minha documentação, mas agora tenho certeza que vou recomeçar minha vida. Já vou até em uma entrevista de emprego”, comemora.

Para o diretor presidente da Funsat, Luciano Martins, o serviço de hoje é parte central da campanha "Não dê Esmola, dê Dignidade. Não dê Esmolas, dê Oportunidades", que quer "conscientizar a população da importância em procurar a SAS no caso de encontrar alguma pessoa que precisa de acolhimento".

Segundo ele, essas pessoas acolhidas passarão por triagem e então poderão ser encaminhadas para a Funsat. "É a prefeitura oferecendo oportunidade de mudança na vida das pessoas, porque o trabalho dignifica”, destaca.

A próxima ação Itinerante da campanha vai acontecer na quarta-feira (28), no Cedami (Centro de Apoio aos Migrante), das 08h às 11h. Aos candidatos que forem participar da entrevista e seleção, é importante lembrar da exigência de levar os documentos pessoais, Carteira de Trabalho e de Reservista (para os homens).

A Funsat está localizada na Rua 14 de Julho, nº 992, Vila Glória (próxima da Igreja Ortodoxa). O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 4042-0585.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário