A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

28/09/2013 12:00

Exercícios físicos são importantes, mas exigem cuidados com o coração

Mariana Lopes
A orientação dos médicos é de que a caminhada ou corrida seja feita no início da manhã , no final da tarde ou a noite (Foto: João Garrigó)A orientação dos médicos é de que a caminhada ou corrida seja feita no início da manhã , no final da tarde ou a noite (Foto: João Garrigó)

Praticar exercícios físicos regularmente é importante, mas em qualquer idade é necessário ter alguns cuidados para evitar problemas cardíacos. Assim que o inverno acaba, é bem comum as pessoas começarem o famoso “projeto verão”, para chegar à estação mais quente do ano com tudo em cima. Porém, o que muitos esquecem é de realmente cuidar da saúde.

O primeiro passo para quem quer sair do sedentarismo e iniciar uma rotina de atleta é ir ao médico e fazer um check-up, conforme orienta o cardiologista Resala Elias Júnior, que participou do encerramento da Semana Coração Saudável, realizada pelo Proncor, na manhã deste sábado (28), no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande.

Outra questão que é importante ficar atento é em relação aos horários para praticar atividades físicas ao ar livre. Segundo o cardiologista, o ideal é caminhar ou correr no início da manhã, final da tarde ou à noite.

Nesta sexta-feira (27), um homem de 36 anos fazia exercícios, ao meio-dia, no Parque das Nações Indígenas e morreu de parada cardíaca. O médico explica que o horário não é indicado para fazer atividades físicas, pois coloca em risco a saúde da pessoa.

De acordo com Resala, além de o sol não fazer bem para a pele neste horário, pois está muito quente, ainda há o risco de uma parada cardíaca. “Correr ou andar quando o sol está muito forte faz com que a pessoa sue mais, o que pode provocar desidratação e isso causa alteração coronariana, que dá o ataque cardíaco”, explica o cardiologista.

(Foto: João Garrigó)(Foto: João Garrigó)

No Parque das nações Indígenas, assim como em outros pontos comuns de prática de atividades físicas em Campo grande, é comum ter pessoas correndo ou caminhando a qualquer hora do dia, o que não é recomendável, mas para tudo há uma explicação, seja ela justificável ou não.

Para a médica homeopata Cristiane Bonamigo, 43 anos, o motivo de estar no parque correndo às 10h, sob o sol forte, é a rotina de plantões no hospital e em casa, com os filhos. “A vida hoje exige flexibilidade, procuro evitar correr nesse horário, mas tem vez que não dá”, conta a médica.

O superintendente da Polícia Federal, Edgar Paulo Marcon, 50 anos, afirma que tem uma rotina de exercícios físicos diários, mas sempre no início da manhã, pois sabe dos malefícios que traz à saúde se expor ao sol em certos horários. “Hoje vim um pouco mais tarde só para trazer minha filha e ficar com ela aqui, mais para passear”, comentou o policial.

Para prevenir problemas com o coração, principalmente quando há histórico na família, é recomendável que a pessoa tenha uma rotina saudável o inclui, além dos exercícios físicos regulares, ter também uma boa alimentação, regada a salada e frutas, não fumar, não beber em excesso, controlar o nível de gordura no sangue.

É imprescindível ainda manter os exames cardíacos em dia. No caso das mulheres, a partir dos 40 anos é preciso fazer pelo menos uma vez por ano. Os homens devem fazer anualmente depois dos 35 anos.

Na manhã de hoje, o Proncor promoveu, no Parque das Nações Indígenas, corrida e caminhada no encerramento da Semana Coração Saudável, que contou com 700 participantes. No local também estava uma ambulância com profissionais aferindo a pressão das pessoas que participavam do evento. Durante a semana, houve atendimento ao público de exames e também palestras de como prevenir problemas cardíacos. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions