A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

28/05/2015 14:02

Família busca doadores de sangue B+ para cirurgião plástico em estado grave

Ricardo Campos Jr.

O cirurgião plástico Marcelo Rosseto está internado no Proncor de Campo Grande após sofrer um infarto e precisa urgentemente de bolsas de sangue tipo B+, que segundo a família estão praticamente esgotadas na cidade. Além do problema cardíaco, o médico apresentou hemorragia em função de uma úlcera no esôfago.

Lina do Nascimento Cavichini Rosseto, mulher do paciente, explica que os dois problemas exigem tratamentos que se opõem, tornando a situação crítica.

“Ele precisou colocar um stent, uma espécie de prótese que vai dentro da artéria para que o sangue volte a passar, mas que pode formar coágulos. Por isso foram administrados anticoagulantes. Só que com o estresse e com o vômito durante o infarto, houve uma ferida no esôfago, que começou a vazar sangue”, explica.

Assim que foi detectada a ferida, os anticoagulantes foram temporariamente suspensos para que a hemorragia fosse contida, mas os médicos pretendem voltar a administrá-los para não haver risco de trombose.

“Nós estamos com medo da hemorragia aumentar novamente. Foram encontradas pouquíssimas bolsas. Ontem foram usadas três e hoje só achamos duas, que vieram do setor de cirurgia cardíaca”, conta Lina.

As pessoas que quiserem ajudar podem procurar algum dos bancos de sangue em Campo Grande para a coleta. Basta avisar aos atendentes que a doação destina-se ao paciente Marcelo Rosseto.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions