A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

09/12/2016 07:59

Figueira centenária cai e atinge casa e carro no Nossa Senhora das Graças

Viviane Oliveira e Julia Kaifanny
Parte do telhado da casa foi destruída pela árvore (Foto: Fernando Antunes) Parte do telhado da casa foi destruída pela árvore (Foto: Fernando Antunes)
Galhos da figueira atingiu carro, mas por sorte a lataria não foi danificada (Foto: Fernando Antunes) Galhos da figueira atingiu carro, mas por sorte a lataria não foi danificada (Foto: Fernando Antunes)

Após temporal de quinta-feira (8), figueira de grande porte caiu e atingiu um veículo e parte de uma residência, na manhã de hoje (9), na Rua Dumontina, no Bairro Nossa Senhora das Graças, em Campo Grande. O dono da casa, Lázaro Magalhães, 64 anos, que mantinha a árvore no quintal acredita que ela tenha mais de 150 anos. Apesar do susto, Lázaro teve apenas ferimento na testa e não precisou de atendimento médico.

O morador contou que ainda estava deitado, quando por volta das 4h ouviu barulho como se fosse um estrondo. “Me encolhi e pedi para Deus me proteger”, diz o idoso que estava sozinho no imóvel.

Em seguida, Rosinei Magalhães, 43 anos, sobrinha do idoso, que mora com duas filhas em outra casa, mas no mesmo terreno, se levantou e foi ver o que havia acontecido. “Mesmo com chuva e ventos fortes, a árvore não deu sinal que iria cair. A gente nunca pensou em tirá-la daqui, pois se trata de uma árvore centenária”, conta.

Os galhos da figueira caiu sobre o carro da família, mas não estragou a lataria. Parte da sala e da cozinha ficou com o teto danificado. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas como não tinha militar o suficiente para fazer a remoção, iria voltar mais tarde. A corporação também ficou de acionar a Defesa Civil para ajudar no corte. Os galhos da árvore caíram em direção a rua e meia pista ficou interditada.

Galhos foram parar na rua e interditou meia pista (Foto: Fernando Antunes)Galhos foram parar na rua e interditou meia pista (Foto: Fernando Antunes)


O povo tem que começar a aprender a diferença entre uma coisa centenária e uma coisa velha... Quando se quer manter algo assim tão antigo, tem-se que cuidar, tratar. Mesmo uma árvore precisa de certos cuidados para que não te tornem um perigo. Provavelmente essa árvore estava tomada por cupins e com problemas devido à idade e à falta de cuidados específicos. Não adianta isso de que não vai cortar porque é antiga se não quiser perder tempo e investir dinheiro nos cuidados básicos.
 
Mariana Carvalho em 09/12/2016 15:44:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions