ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MARÇO, DOMINGO  03    CAMPO GRANDE 26º

Capital

Garoto de 19 anos morreu em colisão entre caminhão e carro na BR-163

Além do jovem de 19 anos, uma criança de apenas 3 anos e o pai foram encaminhados em estado grave para a Santa Casa de Campo Grande; um casal de ocupantes do caminhão também se feriu

Adriano Fernandes | 22/01/2017 20:46
O motorista do caminhão invadiu a pista contrária ao tentar desviar de outro veículo. (Foto: Direto das Ruas)
O motorista do caminhão invadiu a pista contrária ao tentar desviar de outro veículo. (Foto: Direto das Ruas)

Foi identificado como Pedro Bones de Paula, de 19 anos, o garoto que morreu após a colisão frontal entre um caminhão baú e um veículo modelo Parati, esta tarde (22), no quilômetro 458 da BR-163, sentido Anhanduí, cerca de 15 quilômetros de Campo Grande.

O garoto era passageiro na Parati, recebeu massagem cardíaca de uma testemunha que ajudou nos primeiros atendimentos, mas não resistiu e morreu no local. No veículo ainda seguiam Salviano Augusto Mimoso de Oliveira , de 24 anos, e quem conduzia a Parati e o filho de apenas três anos.

Os dois foram encaminhados em estado grave para a Santa Casa de Campo Grande. No caminhão além do motorista, Deolindo Fernandes de Oliveira, 58, estavam também Aline Cano dos Santos, de 26, e Ronival da Silva Sales, 31, que também tiveram ferimentos de menor gravidade, mas também foram destinados a Santa Casa.

Ainda conforme o registro policial o acidente ocorreu depois que Deolindo foi tentar ultrapassar um caminhão do tipo caçamba, que seguia no mesmo sentido em direção a Anhandui. O condutor do outro caminhão teria reduzido a velocidade e para tentar evitar uma batida na traseira, ele manobrou no sentido oposto da rodovia quando colidiu na Parati.

O caminhão Baú tem placas da cidade de Sorriso em Mato Grosso, já o carro de passeio seria de Presidente Epitácio, São Paulo. O acidente foi registrado pelas câmeras de segurança da CCR MSVia, instaladas as margens da BR-163.

Prestaram atendimento ao acidente agentes da PRF (Polícia Rodoviária Federal), socorristas em viaturas da CCR MSVia e a perícia da Polícia Civil também esteve no local.
O trânsito chegou a ficar lento devido aos procedimentos da perícia.

Nos siga no Google Notícias