A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

16/09/2014 19:00

Governo e prefeitura vão retomar ações para cobrar a Lei Seca no trânsito

Eduardo Penedo
Força-Tarefa é criada para inibir violência no trânsito em Campo Grande,(Foto: Marlon Ganassin/Assessoria Prefeitura Campo Grande) Força-Tarefa é criada para inibir violência no trânsito em Campo Grande,(Foto: Marlon Ganassin/Assessoria Prefeitura Campo Grande)

Uma força tarefa entre a prefeitura de Campo Grande e o governo do Estado, por meio da Secretaria de Justiça e Segurança Publica, foi criada para desenvolver ações articuladas para inibir a violência no trânsito. A meta é realizar mega operação e retomar as ações contra embriaguez ao volante e impor a lei seca.

A força tarefa foi criada na manhã desta terça-feira (16) em reunião realizada no gabinete do secretário de Justiça e Segurança Pública, Vantuir Jacini, e as ações devem ser desencadeadas em outubro, logo após a Semana Nacional do Trânsito, que é realizada entre os dias 18 a 26 de setembro.

“Temos que nos unir, inicialmente numa ação pedagógica para chamar atenção da sociedade para esta autêntica epidemia que vivemos hoje, o da violência no trânsito”, sustentou o prefeito Gilmar Olarte (PP).
Em Campo Grande, mais da metade dos atendimentos do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência)e a superlotação do setor de urgência e emergência das UPAS (Unidades de Pronto Atendimento) e hospitais do SUS é devido a violência no transito.

Jacini reconheceu que depois de um ímpeto inicial forte de fiscalização para cumprir a Lei Seca, houve um certo afrouxamento, em parte diante da reação da sociedade que contraditoriamente, não percebeu a importância de se inibir que motoristas continuem dirigidos sob os efeitos do álcool.

O prefeito explica ainda que dentro desta estratégia devem ser feitas operações de madrugada aos finais de semanas e feriados ao longo da Avenida Afonso, que concentra os bares e casas noturnas mais movimentadas da cidade. “Não podemos continuar assistir de forma passiva as pessoas se matando ou ficando incapacitadas”, avaliou o prefeito.
Olarte defende a participação das Forças Armadas e da PRF (Polícia Rodoviária Federal) para ajudar nos locais mais críticos e ajuda a coibir a violência no trânsito. “Já treinamentos guardas municipais para ajudar o trabalho de fiscalização dos agentes da Agetran”, informou o prefeito.

Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...
Universidade do MS recebe certificação de excelência em gestão
Será recebida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) em solenidade que acontece na próxima segunda-feira (18) o certificado de excelência em ges...
Águas Guariroba continua com campanha de renegociação de dívidas
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions