A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 17 de Agosto de 2018

02/12/2016 23:55

Homem é esfaqueado na cabeça após discussão no bairro Monte Castelo

No fim da tarde, um empresário também foi encontrado morto no apartamento onde morava, no bairro Carandá

Nyelder Rodrigues

Um homem foi esfaqueado na cabeça após uma discussão no bairro Monte Castelo - região norte de Campo Grande. A vítima, que não foi identificada, foi levada para a Santa Casa.

Não há informações sobre o autor, que fugiu logo após o crime, cometido na rua Padre João Crippa, entre as ruas Antonina de Castro Faria e Sebastião Taveira, já perto da avenida Mascarenhas de Moraes.

A vítima tem 44 anos e teria discutido com o agressor. Ela foi atendida pelo Corpo de Bombeiros e levada para a Santa Casa. Os cortes atingiram a região frontal e lateral direita da cabeça, chegando a área de até 10 centímetros. A PM (Polícia Militar) também foi ao local, repassando-o à Polícia Civil, que deve apurar o caso.

Mais cedo, por volta das 17h também em Campo Grande, em um condomínio no bairro Carandá Bosque, o dono de uma empresa do ramo de locação de máquinas, sediada em Nova Andradina - cidade localizada a 300 km de Campo Grande -, foi encontrado morto com um disparo de arma de fogo no apartamento onde morava com a mulher.

A vítima, que tem 42 anos, estava ao lado de uma pistola com seis munições intactas e uma deflagrada. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas a vítima já tinha falecido. Quando a mulher chegou ao local, a porta estava destrancada.

Assim que entrou na casa, segundo o boletim de ocorrência registrado na Polícia Civil, a mulher percebeu que havia um altar na sala com fotos e uma vela, além de uma mensagem de despedida e agradecimento. Ela tentou entrar na porta do quarto, mas ela estava trancada, tendo que arromba-la.

Logo a mulher conseguiu ver a vítima, deitada em uma cama e com sangramento na cabeça e uma pistola na mão, com o polegar no gatilho. O registro policial também diz que na testa da vítima estava escrito Deus. Apesar da principal suspeita de suicídio, o caso foi registrado como morte a esclarecer.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions