ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  30    CAMPO GRANDE 23º

Capital

Homem é preso tentando arrombar armários de UPA e agredir guarda municipal

Caso ocorreu ontem (29) na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Leblon

Por Kerolyn Araújo | 30/09/2020 10:22
Caso ocorreu na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Leblon. (Foto: Henrique Kawaminami)
Caso ocorreu na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Leblon. (Foto: Henrique Kawaminami)


Serralheiro, de 52 anos, foi preso nesta terça-feira (29) após ser flagrado tentando arrombar armários da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Leblon, em Campo Grande. Ele tentou fugir e agredir um guarda municipal com capacete.

Segundo informações do boletim de ocorrência, o guarda municipal da unidade flagrou o suspeito tentando arrombar armários de uso dos funcionários da UPA. O servidor abordou o homem, pediu os documentos, mas ele correu para fora do prédio.

Durante a fuga, o suspeito ainda tentou agredir o guarda e outro servidor a golpes de capacete. Ao perceber que não tinha mais como fugir, ele se entregou ainda no pátio da UPA. A motocicleta do homem estava em local estratégico, próximo a porta de saída.

O suspeito foi levado para a Derf (Delegacia Especializada em Repressão a Roubos e Furtos) e, no local, negou que estivesse tentando arrombar os armários. À polícia, o serralheiro contou que foi até a UPA fazer um raio-x do braço e foi até o banheiro localizado aos fundos do prédio.

Conforme o serralheiro, ele decidiu entrar na UPA pela porta dos fundos e foi abordado pelo guarda quando estava passando pela área onde estão localizados os armários.

O suspeito ainda afirmou que foi ao local atrás de atendimento médico, mas estava sem nenhum documento de identificação e cartão do SUS (Sistema Único de Saúde). Ele também revelou que só ficou sabendo que a unidade não oferece serviço de ortopedia após ser preso.

O serralheiro está preso e passará por audiência de custódia nesta quarta-feira (30).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário