ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  03    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Hospital da Unimed tem só 5 leitos clínicos disponíveis para pacientes de covid

Nos leitos de UTI, a taxa de ocupação já é de 70% nesta quarta-feira

Por Tainá Jara | 08/07/2020 17:43
Unimed levandtou unidade específica para fazer triagem de pacientes com suspeita de covid-19 (Foto: Marcos Maluf)
Unimed levandtou unidade específica para fazer triagem de pacientes com suspeita de covid-19 (Foto: Marcos Maluf)

A alta taxa de ocupação de leitos para paciente com covid-19 não é exclusividade da rede pública e filantrópica, de Campo Grande. Unidades da rede privada, como o Hospital da Unimed, conta com apenas 5 doa 28 leitos clínicos disponíveis para contaminados pelo novo coronavírus com sintomas graves da doença. Entre os leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), a taxa de ocupação é de 70%.

Conforme o boletim divulgado pelo plano de saúde, nesta quarta-feira, 34 pacientes estão internados em decorrência doa covid-19. Destes, 14 ocupam leitos de UTI, doa 20 disponibilizados para este tipo de tratamento.

Entre os leitos clínicos, a taxa de ocupação é de 82,1%. O número de internações é muito superior de outras alas. No setor cirúrgico há ainda 9 leitos disponíveis. Entre os clínicos gerais, há apenas três leitos disponíveis.

Desde que começou a receber suspeitas do novo coronavírus, o hospital já atendeu 3.470 pacientes, sendo que 2.425 tiveram alta imediata. Cinco pessoas morreram nas unidades desde o início da pandemia.

Em Mato Grosso do Sul, são 11.063 casos confirmados de covid-19, sendo que 134 pessoas morreram desde o início da pandemia.