A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

18/04/2018 17:38

Implantação de drenagem fecha por 2 dias tráfego em rua na Vila Bandeirantes

Rua Hermenegildo Pereira passará por obras nesta quinta e sexta-feira, dentro do cronograma para instalação do corredor sudoeste de transporte coletivo

Humberto Marques
CMO realiza obras na rua Brilhante para instalação do corredor sudoeste de transporte coletivo. (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)CMO realiza obras na rua Brilhante para instalação do corredor sudoeste de transporte coletivo. (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)

O CMO (Comando Militar do Oeste) vai interromper totalmente, por dois dias, o tráfego na rua Hermenegildo Pereira, no cruzamento com a rua Brilhante, na Vila Bandeirantes, sul de Campo Grande. No local, serão realizadas obras para implantação de rede de drenagem, que integram também a construção do corredor sudoeste de transporte coletivo.

Conforme o órgão, o fechamento das vias deve ser total entre as 6h e 20h de quinta (19) e sexta-feira (20). O serviço é executado pelo 9º Batalhão de Engenharia de Construção, dentro do convênio firmado entre a Prefeitura de Campo Grande e o Exército brasileiro.

As obras na rua Brilhante começaram em 2017 e logo se tornaram alvos de críticas de empresários e moradores, por conta de diversos trechos que precisaram ser refeitos devido ao surgimento de problemas como afundamento no asfalto ou religação de redes de água e esgoto –o Exército apontou que encontrou vários dutos não mapeados no local, fato contestado pela concessionária– e que resultaram em atrasos no cronograma.

O recapeamento da via entra em sua fase final, mas o plano original foi alterado: antes orçado em cerca de R$ 24 milhões e com obras a serem executadas unicamente pelo Exército, o corredor sudoeste será dividido em três trechos, sendo que dois serão licitados para a inciativa privada, envolvendo as avenidas Bandeirantes e Marechal Deodoro. Caberá ao CMO apenas concluir o trecho da Brilhante e da Guia Lopes, recebendo cerca de R$ 5,7 milhões pelos serviços.

O corredor sudoeste prevê uma pista exclusiva para ônibus e a instalação de terminais de embarque e de nova sinalização. A previsão era de que as obras terminariam no ano que vem.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions