A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

11/03/2013 11:31

Inmetro verifica condições de taxímetros que rodam por Campo Grande

Mariana Lopes
Objetivo é verificar o taxímetro dos 490 táxis de Campo Grande até o dia 28 de março (Foto: Marcos Ermínio)Objetivo é verificar o taxímetro dos 490 táxis de Campo Grande até o dia 28 de março (Foto: Marcos Ermínio)
Para Valdir, operação é importante para manter o preço justo no mercado (Foto: Marcos Ermínio)Para Valdir, operação é importante para manter o preço justo no mercado (Foto: Marcos Ermínio)

Começou na manhã de hoje a operação do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) para verificar o funcionamento e documentação dos taxímetros que rodam em Campo Grande. O objetivo é atingir os 490 táxis da capital até o dia 28 de março.

Segundo o técnico metrológico Márcio André Yamaura, o fiscal do Inmetro percorre um quilômetro com o carro, sendo que na ida vai com bandeira 1 e na volta com bandeira 2, para averiguar se a contagem do taxímetro está correta.

No local também são verificados as condições do carro de acordo com os dados apontados no taxímetro, como, por exemplo, a metragem do pneu, que tem que bater com a o número indicado no aparelho.

O documento do taxímetro também tem que apresentar o alvará de circulação do veículo, assim como todos os dados do aparelho , do carro e do proprietário. Após a verificação, será trocada a selagem do taxímetro e renovado o documento.

De acordo com Márcio, a meta é que passem aproximadamente 35 táxis por dia pela verificação.

Para o taxista Valdir de Macedo Mendes, 36 anos, a operação é importante para manter os preços justos. “Tem cara que combina preço com o passageiro e isso prejudica o mercado, então através da fiscalização fica mais difícil de cobrar errado”, comenta.

Os carros que tiverem alguma irregularidade deverá se adequar até o final da operação. No final da manhã desta segunda-feira, o Inmetro não encontrou nenhum táxi com problemas.

Após a operação, Márcio garante que serão feitas fiscalizações periódicas para conferir se todos os táxis renovaram o documento e o lacre do taxímetro. Caso algum táxi esteja redando irregular, o proprietário pode ser multado.

De família de escritores, médico lança amanhã livro com poemas
O renomado psiquiatra Marcos Estevão lança nesta quinta-feira (14) em Campo Grande o livro de poesias "Pedaços de Mim", que é um compilado de poemas....
Renegociação de dívidas com a Águas Guariroba segue sendo realizada
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...
Com inspiração japonesa, luzes vão iluminar compras no Centro
Iluminação especial passa a ser adotada, nesta quarta-feira (13), na região central de Campo Grande. Dezesseis estruturas de alumínio, com lâmpadas d...


Depois de avisar a todos os taxistas via imprensa que iriam fazer essa "Operação" quero ver encontrar alguma irregularidade.
 
Carlos Almeida em 11/03/2013 13:42:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions