A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

22/08/2018 14:31

Instalação do relógio da Calógeras é adiada em razão do dia chuvoso

Tempo instável, com chuva e neblina provocaram adiamento da instalação. Relógio foi retirado e passou por revitalização

Izabela Sanchez
Relógio foi retirado e passou por revitalização (Paulo Francis)Relógio foi retirado e passou por revitalização (Paulo Francis)

A reinstalação do relógio da Calógeras, símbolo municipal de Campo Grande, foi adiada. O relógio seria instalado nesta quarta-feira (22), às 19h. Conforme a administração, o motivo é o mau tempo. Nesta quarta, o tempo é instável, com chuva e neblina. A data para a instalação ainda não foi confirmada pela Prefeitura.

Considerado um dos principais símbolos de Campo Grande, o relógio da Calógeras foi retirado do local onde é exibido, no cruzamento entre a Avenida Afonso Pena e a Calógeras.

O monumento agora terá nome, e será chamado de Dr. Renato Barbosa de Rezende, como prevê lei aprovada na Câmara de Vereadores. Rezente, que faleceu em 2014, foi presidente da comissão que trabalhou pela revitalização do relógio, na época das comemorações do centenário de Campo Grande.

História - Não é a primeira vez que o símbolo é retirado, revitalizado e devolvido. O relógio foi construído no canteiro central na esquina da Avenida Afonso Pena e Calógeras, réplica do antigo relógio da Rua 14 de Julho. O antigo relógio foi inaugurado em 1933, na esquina da Avenida Afonso Pena e Rua 14 de Julho.

O local marcou encontros políticos, por isso é considerado um monumento símbolo de progresso e da democracia. Ali, aconteceram desfiles cívicos, passeatas, manifestações culturais e o “footing”, nome dado à “paquera”, antigamente.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions