A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 16 de Outubro de 2018

16/09/2018 19:05

Internada há 5 dias, mulher que teve corpo queimado não tem previsão de alta

Marido da vítima ateou fogo contra a mãe e filha de 1 ano e três meses. Estado de saúde da mãe e da criança é estável

Izabela Sanchez
Momento em que a vítima era socorrida pelo Corpo de Bombeiros (Liniker Ribeiro)Momento em que a vítima era socorrida pelo Corpo de Bombeiros (Liniker Ribeiro)

Internada na Santa Casa desde o dia 12, a mulher de 28 anos, grávida de três meses, que teve o corpo queimado pelo marido, ainda não tem previsão de alta. Segundo o hospital, ela está internada pela equipe de cirurgia plástica, segue estável, consciente e orientada. O quadro de saúde da filha de 1 ano e 3 meses também é estável.

O autor do crime é Maggayver Corrêa Gonçalves, 32 anos, marido da vítima. A filha do casal de 1 ano e 3 meses também foi atingida e sofreu queimaduras de 2º graus no pés. Maggayver foi preso em flagrante e levado para a Casa da Mulher Brasileira.

A mulher relatou que estava em casa quando discutiu com o marido e foi para o quarto amamentar a filha. Foi neste momento que o homem entrou no cômodo com tíner e usando isqueiro ateou fogo. O quarto foi destruído.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado para socorrer mãe e filha. O pai da vítima contou que o casal está junto há sete anos e nunca ouviu relatos de agressão. O casal tem outro filho, de 3 anos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions