A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

07/01/2012 10:36

Jovem foi assassinado a tiro durante discussão sobre dívida de R$ 30

Viviane Oliveira

Crime aconteceu na Conveniência do Portuga na rua Santa Quitéria. O jovem levou um tiro na cabeça e morreu na hora

Uelison foi preso horas depois do crime pela Polícia Militar. Ele estava na casa de um tio no bairro Dom Antônio Barbosa. Uelison foi preso horas depois do crime pela Polícia Militar. Ele estava na casa de um tio no bairro Dom Antônio Barbosa.

O ajudante de pintor Uelison Aparecido Moreira Candia, 18 anos, foi preso após matar Diego da Silva Santa Roza, de 21 anos, com um tiro na cabeça, na noite de ontem (6) no Jardim Centenário, região Sul de Campo Grande.

A primeira informação dava conta que Diego tinha 16 anos, mas a Polícia Civil confirmou a idade da vítima, sendo maior de idade.

Segundo Uelison, matou Diego após uma discussão por causa de R$ 30. Ele comprou um celular da vítima por R$ 80 e ficou de pagar o restante hoje. “Ontem ele chegou me cobrando na frente de todo mundo e me deu um soco no rosto”, disse.

Uelison conta que ficou nervoso foi até sua casa pegou um revólver calibre 38 e atirou na vítima. “Ele ainda tentou se esconder atrás de um freezer na conveniência, mas não adiantou”, afirma Uelison que matou porque foi ameaçado de morte por Diego.

De acordo com a Polícia Civil, Uelison foi preso em flagrante e vai responder pelo crime de homicídio doloso, aquele que há intenção de matar.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o crime aconteceu na Conveniência do Portuga na rua Santa Quitéria. Uma viatura chegou a ser deslocada para o local, mas o rapaz não resistiu e morreu.

Preso rapaz que matou adolescente a tiro no Jardim Centenário
Uelison Aparecido Moreira Candia, 18 anos, foi preso pela Polícia MilitarEstá preso o rapaz que matou Diego da Silva Santa Rosa, de 16 anos, na noit...
Jovem morre após ser baleado na cabeça no Jardim Centenário
Diego da Silva Santa Roza, de 16 anos, morreu há pouco após ser baleado na cabeça em frente uma conveniência no Jardim Centenário, região sul de Camp...
Homem tem corpo queimado em acidente doméstico e morre na Santa Casa
Após dois dias internado, José Loureiro da Cruz, 49 anos, morreu por volta das 6h30 desta sexta-feira (15) na Santa Casa em decorrência de acidente d...


Jovens desocupados que matam e morrem todos os dias na capital! Mas "vamo que vamo" que o carnaval já está às portas! A realidade que ignoramos hoje será aquela com a qual nós e nossa família fatalmente encontraremos em um futuro bem próximo!!
 
Carlitos Arruda em 07/01/2012 12:02:31
Viu???? Faltou punição na infância e na adolescência!!!! Se tivesse sido corrigido com umas boas varadas de marmelo, não tinha mostrado essa "valentia" toda!!! E ainda querem investigar o Dr Sérgio Harfouche que defende punição aos adolescentes infratores.
 
Nair Specort em 07/01/2012 06:53:32
SE EU MATASSE TODO MUNDO QUE ME DEVE EU TERIA QUE MATAR UNS 10.. MEUS DEUS MATAR POR R$ 30, TEM GENTE QUE MATA POR R$ 10, R$ 5,00 , R$ 20,00.. ULTIMAMENTE NOSSAS VIDAS NÃO VALEM NADA.. NADA...
 
João Paulo Mareco em 07/01/2012 06:33:18
e devido ao aumento da iniquidade o amor se esfriará de muito.
matheus 24.12
 
greissiele gonzales villalba em 07/01/2012 04:50:47
tudo bem que esse ja e de maior o que eu fico indignado e o ministerio publico querer partir pra cima do dr sergio harfuche dizendo que ele esta colocando os coitadinhos dos delinquentes pra trabalhar.porque nao pode eles tem que matar roubar estuprar isso sim esta de acordo; hra srs esperem ate eles colocarem a familia de vcs na mira de um revolver quem sabe mudam a lei.sera que vcs sao cegos.
 
evaldo anjos de oliveira em 07/01/2012 01:19:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions