A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

08/05/2014 13:04

Júri vê acidente e acusado de matar bebê é condenado a dois anos

Aline dos Santos

Francisco Gomes de Carvalho Filho, 58 anos, foi condenado a dois anos pela morte do bebê Kemily Romero Rocha, de 1 anos e três meses.

No julgamento, realizado nesta quinta-feira, os jurados acolheram a tese da defesa e desclassificaram o crime de homicídio doloso por motivo fútil (quando há intenção de matar) para culposo.

Desta forma, a pena foi definida pelo juiz da 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande, Carlos Alberto Garcete. O regime inicial será o aberto e o magistrado revogou a prisão preventiva. A punição de homicídio culposo vai de 1 a 3 anos.

A criança morreu em 17 de janeiro do ano passado, no bairro Nova Lima. A menina estava sob os cuidados de Francisco, que era seu padrasto. Conforme a denúncia, o bebê começou a chorar e, irritado, ele atirou a criança no solo.

À Polícia, o padrasto contou que a criança chorava de fome quando a pegou no colo, ela escorregou e caiu no chão. De acordo com o laudo do Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal), foi comprovado que a criança tinha três fraturas na cabeça.

Homem tem picape roubada em conveniência no Bairro Universitário
Homem de 27 anos teve a picape roubada em uma conveniência, por volta das 23h de ontem (14), na Avenida Guaicurus, no Bairro Universitário, região su...
Homem é agredido e sofre afundamento de crânio na Júlio de Castilho
Márcio Ferreira dos Santos, 31 anos, foi agredido e sofreu afundamento de crânio, na noite de ontem (13), na Avenida Júlio de Castilhos, em Campo Gra...


Que absurdo, homicidio culposo, o homem atirou o bebe no chão, quem tava no juri? A mãe dele, o pai, os irmãos, enfim, só devia ter parente dele no juri, pessoas inteligentes não mudariam a configuração do crime desta forma. Contratem ele para ser baba de seus filhos então.
 
maximiliano rodrigo antonio nahas em 08/05/2014 16:19:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions