A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

20/05/2015 18:53

Lixo deixado pela prefeitura causa acidentes na Avenida Guaicurus

Lúcio Borges e Alan Diogenes
Monte de lixo ficou em uma das faixas da avenida (Foto: Fernando Antunes)Monte de lixo ficou em uma das faixas da avenida (Foto: Fernando Antunes)
Um dos montes de entulhos em plena pista da Avenida (Foto: Fernando Antunes)Um dos montes de entulhos em plena pista da Avenida (Foto: Fernando Antunes)

Lixo e entulho deixados na pista da Avenida Guaicurus, na região do museu José Antônio Pereira, em serviço incompleto da prefeitura de Campo Grande, ocasionou acidentes no fim da tarde desta quarta-feira (20), que por pouco não faz vitimas grave. Contudo o prejuízo material e o descaso foi sentido por motoristas acidentados e outros que passavam na via no momento que o Campo Grande News foi registrar o acidente mais grave com John Wellington Machado Barbosa, 22 anos. Ele não sofreu nada grave em prejuízo a saúde, mas ficou com o carro destruido.

O jovem se acidentou na Avenida Guaicurus, próximo ao museu, em frente a residência de número 7627, no Jardim Monumento, onde acabou com seu veiculo Fiat Uno, destruído na parte da frente. Jonh estava se dirigindo no sentido bairro centro pela faixa da direita, que é de menor velocidade, mas na altura da ocorrência não enxergou, pois não há nenhuma sinalização, montes de entulhos e terra por toda a extensão da pista. O amontoado de lixo na pista foi deixado pela Prefeitura, que fez limpeza dos canteiros durante o dia.

“Como vocês podem ver, fizeram um serviço mal feito no canteiro, jogou na rua e não retirou da avenida. Há montinho de terra por toda a extensão e não tinha nada de aviso. Passou em cima do monte, o carro rampou, perdi controle da direção e colidiu com posto de iluminação. Isto porque estava a 30, 40 km, por isso não foi pior a colisão”, explicou Jonh que além do susto, aparentemente não sofreu nenhum dano a saúde.

Antes da ocorrência com Jonh, que viu o poste entortar e quase cair em cima do seu veiculo, houve um acidente, poucos instantes antes, quase que simultaneamente, e pelo mesmo motivo. Um motociclista também se acidentou após rampar com o monte de terra e cair na avenida.

Somente após os incidentes e muitos desvios feitos pelos motoristas é que a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) e Guarda Municipal tiveram no local para sinalizar o local.

Recorrer dos prejuízos

O pai do rapaz, Ronoaldo Barbosa, 42 anos, empresário, estava indignado e disse que a família irá recorrer para ressarcir os prejuízos. “O serviço da prefeitura não foi completo, absurdo colocar monte de terra numa avenida desta, não se retirar, colocando em risco a todos os motoristas. Isso é uma falta de respeito com a população. Graças a Deus não ocorreu nada com meu filho. Mas todo esse prejuízo vamos buscar esse pagamento”, disse.

Jonh ainda mencionou que funcionários da Energisa estiveram no local e o notificaram, dizendo que ele terá que pagar o poste danificado. “Eu sofro acidente por culpa deste desleixo e ainda vou ter que pagar o prejuízo do meu carro e das coisas públicas. Como fica? Vamos ver com a prefeitura para nos pagar, incluindo o poste”, apontou.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions