A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

20/06/2011 12:40

Mãe de Marielly garante que não sabia de aborto

Angela Kempfer
Mãe de Marielly (esquerda) chegou a acionar a OAB, pedindo informações sobre a investigação. (Foto: Francisco Júnior)Mãe de Marielly (esquerda) chegou a acionar a OAB, pedindo informações sobre a investigação. (Foto: Francisco Júnior)

Com tom de revolta, a mãe de Marielly Barbosa, encontrada morta no dia 11 de junho, diz que nunca imaginou que a filha havia saído de casa para fazer um aborto.

Eliana Barbosa está em Alto Taquari, no Mato Grosso, com a filha Mayara e o neto. Mas ela não fala do paradeiro do genro Hugleice Rodrigues, de 26 anos, um dos investigados pelo sumiço da jovem, em 21 de maio.

A mãe diz que está “destroçada”. “Nunca seria conivente com um aborto, jamais. Quem fala isso não respeita a dor de uma família que está em pedaços”, reclama.

"Se eu soubesse de algo, nunca iria até a OAB opu até a Assembleia para pedir ajuda para achar a minha filha", diz.

Sobre o motivo da morte da filha, Eliana desconversa, fica muda ao ser questionada sobre a participação do genro. “Ele não está com a gente”, resume.

A Polícia investiga se Marielly morreu vitima de um aborto malsucedido. Uma das versões apresentadas é que a jovem estaria grávida do cunhado, que morava no mesmo prédio dela, no Jardim Petrópolis.

A mãe não contesta qualquer informação sobre Hugleice, apenas se diz indignado com o fato de haver alguma suspeita de que ela sabia de tudo e não fez nada para evitar o aborto da filha. “É revoltante, estou destruída, não consigo entender como alguém pode pensar que eu seria conivente”.

Ela garante que não pediu demissão depois que o corpo foi encontrado, mas não responde quando se desligou da distribuídora onde trabalhava em Campo Grande.



História cada vez mais cabeluda. A ideia não é acusar ninguém, mas que família é essa que sequer espera a liberação do corpo, decide não acompanhar as investigações e se muda pra outro estado rápido assim? Se é minha filha que morre dessa forma vou até o fim na busca pelo culpado. Caso seja o tal cunhado autor dessa barbárie, e ele vai junto com a família pro MT ou estão correndo sérios riscos com ele ou alguém aí sabia de algo e está escondendo. Teoria de conspiração: A mãe sabia da gravidez e quem era pai da criança (cunhado) mandou ele resolver o problema (fazer aborto) as coisas fugiram do controle. Ou seja tem linguiça nesse angú e a polícia vai descobrir!
 
Edson Jades em 20/06/2011 02:40:10
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions