A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

14/05/2013 18:46

Mães de alunos reclamam de dieta sem frutas e legumes em Ceinf e escola

Gabriel Neris
Ceinf localizado no bairro Aero Rancho também é alvo de reclamações de mães (Fotos: Vanderlei Aparecido)Ceinf localizado no bairro Aero Rancho também é alvo de reclamações de mães (Fotos: Vanderlei Aparecido)

Após a reclamação de professores, agora são os pais de alunos de Ceinf (Centro de Educação Infantil) que reclamam da alimentação oferecida às crianças. Frutas e legumes não entram na dieta oferecida no Ceinf do bairro Aero Rancho, na região sul de Campo Grande.

Marineide Ferreira Rezende, de 43 anos, reclama que as crianças têm no cardápio do almoço somente arroz, feijão e frango. Entre as refeições os alunos ainda são alimentados com bolacha de sal e chá. O filho de Marinenide tem três anos e está no Ceinf desde o início deste ano.

A dieta sem frutas e legumes fez com que a filha da auxiliar de tecnologia Maria da Silva Cardoso, de 44 anos, perdesse peso. “É um problema sério, nem salada tem para as crianças”, lamenta.

Maria decidiu então buscar a filha no Ceinf antes que o almoço fosse servido. As crianças não podem levar nenhuma refeição de casa, somente madadeira.

A crise também está instalada na escola municipal Padre Tomaz Ghirardelli do bairro Dom Antônio Barbosa. O local conta somente com quatro merendeiras para atender 2,4 mil alunos. O número reduzido de funcionários fez com que houvesse protesto com a direção, mas a resposta foi que os trabalhadores deveriam aguentar o ritmo.

As merendeiras acusam a diretoria do Ceinf de perseguir funcionários concursados. As trabalhadoras foram afastadas pela Semed (Secretaria Municipal de Educação) por indisciplina.

Marineide Ferreira Rezende leva o filho de três anos para Ceinf do bairro Aero RanchoMarineide Ferreira Rezende leva o filho de três anos para Ceinf do bairro Aero Rancho
Maria da Silva Cardoso afirma que nem salada é oferecida para as crianças nos CeinfsMaria da Silva Cardoso afirma que nem salada é oferecida para as crianças nos Ceinfs

Na segunda-feira (13) a titular da SAS (Secretaria Municipal de Assistência Social), Thais Helena (PT), que são realizadas cinco refeições nos Ceinfs e que existe uma nutricionista em cada local para fiscalizar e orientar o que está sendo oferecido as crianças.

A secretária disse que desconhecia a falta de alimentos, mas que alimentos poderiam ser trocados. “Mas na mesma quantia de proteínas e vitaminas, sem perder a qualidade do que deve ser consumido”, disse ontem.

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), também disse desconhecer a falta de alimentos nutritivos nos Ceinfs.



A secretaria Thais e o prefeito Bernal estão sofrendo de lulite, eles nunca sabem de nada.
 
josé leite em 15/05/2013 08:49:28
Por isso que o político eleito deveria ser obrigado a colocar os filhos em escola pública, pra sentir na pele os problemas. E ver se olham com mais atenção para um dos problemas mais sérios, que se tratados como tal, resolverá muitos outros.
 
Alvaro C. Vieira em 15/05/2013 08:35:46
Como a Secretaria pode dizer que desconhece a falta de frutas, legumes e material de higiene e limpeza nos Ceinf's???? Se quando acontece essa falta, o Ceinf tem que ligar no departamento competente da Sas, para perguntar quando vai acontecer a entrega, e a resposta é sempre a mesma, esperando a aprovação do empenho para a compra. Como pode os funcionários da Sas, nos darem essa resposta, sem que ela tenha vindo dos gabinetes, tanto da Sas, quanto da Prefeitura...Até quando vão tentar esconder o que realmente acontece..???? Também gostaríamos de saber onde estão estas nutricionista que segundo a secretaria Thais Helena fica nos Ceinf's, sendo que a unica que conhecemos, fica na Sas, realmente tá um absurdo mesmo, agora deram pra mentir, porque a realidade é outra...
 
Maria do Socoroo em 15/05/2013 08:27:47
ATAAA!!!!! NINGUEM SABE AGORA DE NADA...ATÉ PARECE QUE ESSE ASSUNTO DE FALTA DE MERENDA É NOVIDADE!!!!!!!!!
 
ellen nogueira em 15/05/2013 08:26:06
acho que eu não estou entendendo direito, mas essas mães estão reclamando de falta de uma fruta? Kd a bolsa disso e bolsa daquilo que elas recebem? Pô, não podem comprar e mandar de lanche ja que estão reclamando tanto disso. Quando eu trabalhava em escola publica, essas mesmas mães viviam reclamando quando o Nersinho estava no poder. Essas mesmas mães que vivem na porta das casas tomando terere o dia inteiro e fofocando da vida dos outros.
 
Sérgio Marques de Alencar em 15/05/2013 08:21:02
Eu não tenho criança lá e nunca vi a situação, no entanto, conheço pessoalmente a Thaís Helena Secretária, Ela jamais participaria de algo errado assim. Temq ue investigar direito porque pode ter inimigo desse prefeito agindo para prejudicar a Administração.
 
luiz alves em 15/05/2013 08:04:37
Reclamam que não tem comida, quando tem, reclamam do que tem.... Será que na casa dessas senhoras, elas dão, todos os dias, alimentação balanceada para seus filhos? Arroz, feijão e frango é uma refeição que tem parte dos nutrientes necessários para uma boa alimentação. Eu adorava bolacha de saç e chá, na escola.... Eu acho que a população tá muito, muito influenciada pelos veículos de comunicação dessa cidade. E ninguém vê os problemas como uma consequência da gestão passada. Ou ainda, se o problema vem desde lá, porque esse tipo de notícia não saía nesses veículos? Hm....
 
Brenda Gonçalves em 15/05/2013 07:35:45
E O BERNAL AINDA VAI CONTINUAR MENTINDO, DIZENDO QUE AS MÃES ESTÃO MENTINDO , ELE SIM É QUE ESTA QUERENDO ENGANAR O POPULAÇÃO
 
ELY MONTEIRO em 15/05/2013 06:47:53
Bernal, seu incompetente, quando vai resolver esse caos?
 
Jose Alfredo de Melo em 15/05/2013 05:57:53
É claro, e como sempre ele não sabe de nada... Tá fazendo oque aí? Curtindo seu "reinado"? Não disse que ia priorizar as pessoas? Nossos filhos também são pessoas OK. Ou será que o Senhor Prefeito se referia às pessoas da casa dele? Afinal de contas, quando é que o Senhor Prefeito vai começar a administração da cidade? Porque até agora ele só se preocupou em "ocupar" todos os setores com seus próprios... Como é mesmo o nome? CUPINCHAS!!! E claro, se preocupou em reclamar sem parar da administração anterior! Trabalhe homem, não queremos desculpas, discursos, culpados ou seja lá oque for, por favor, queremos resultados... Ou será que o Senhor Prefeito está com saudades do tempo de Radialista? Reclamar sem se preocupar em resolver é bem coisa de Radialista... Sua cara!
 
Leandro Weber em 15/05/2013 00:31:48
Denúncia ontem, denuncia hoje...Onde há fumaça a fogo. Cadê o Ministério Público para investigar tais informações? Lamentável, indignante e angustiante.
 
Silvana Gomes em 14/05/2013 22:33:27
Prefeito desconhece o caso!!
Me fala uma coisa: oq esse aprendiz de prefeito esta fazendo? Kd o "planejamento" tanto falado durante a campanha???
Nossa cidade esta abandonada!!
Votei na mudança, mas queria mudar pra melhor...hj eu e muitos amigos que votaram no bernal temos VERGONHA de ter acreditado numa pessoa que só sabe falar bonito, VERGONHA!!!
 
Adeu Silva em 14/05/2013 22:18:15
Eu sei e reconheço o direito das crianças de comerem frutas, e sei também que o Poder Público tem que ser responsável, mas sei também que muitos pais deixam de comprar uma fruta para o filho, para comprar uma cerveja ou uma carteira de cigarros. Quantas mães chegam fumando para buscar seus filhos.
 
hélade dorneles em 14/05/2013 21:53:06
Hoje perguntei a uma professora da minha filha sobre essa situação da alimentação das crianças, haja vista meu bebê ser do berçário e recebi como resposta (dava para ver o constrangimento estampado na cara da professora) que eles estavam se alimentando com arroz, feijão e carne, pois legumes, verduras e frutas não estavam chegando e que para suprir essa falta, eles colocavam mais caldo de feijão na comida melhorar um pouco.
Agora imagina eu, como mãe, não consigo me alimentar direito no serviço pensando "será que meu bebê está se alimentando, ou está com fome?"...
 
Rosane Cavalheiro em 14/05/2013 21:49:17
TRABALHO EM UM CEINF, E A SECRETARIA NUNCA ESTEVE AKI, HÁ QUASE DOIS MESES NÃO RECEBEMOS HORTIFRUTI, OVOS E NEM PRODUTOS DE LIMPEZA, E TEMOS QUE FALAR PARA OS PAIS QUE ESTÁ TUDO SOB CONTROLE, OS PAIS PERCEBEM A DIFERENÇA NAS CRIANÇAS, MAS TEMOS QUE MENTIR, NÃO PODEMOS ABRIR OS PORTOS PARA ESSA OU AQUELA PESSOA, O PREFEITO VEM FALAR QUE SE OS PAIS QUISEREM PODEM ENTRAR PARA VER, SE ISSO ACONTECER IREMOS PASSAR VERGONHA, BANHEIROS ENTUPIDOS, AS COZINHEIRAS FAZEM VAQUINHA ENTRE SI PARA COMPRAR MATERIAL DE LIMPEZA PARA MANTER O MINIMO DE HIGIENE NA COZINHA E TRAZEM TEMPEROS DE CASA PARA TEMPERAR A COMIDA DAS CRIANÇAS E MUITAS VEZES SÃO SERVIDOS APENAS BOLACHA SECA, POIS O SUCO OU CHA NÃO FORAMN SUFICIENTES PARA O MES, COMO UM BEBE DE UM ANO VAI COMER ARROZ FEIJÃO E CARNE E BOLACHA SECA...
 
SARITA GREGORIO em 14/05/2013 21:44:14
desde quando arroz,feijao e frango, e cha e bolacha de agua e sal sao refeiçoes substitutas e na mesma quantidade de proteinas e vitaminas...é na verdade uma refeiçao sem vitamina nenhuma!!! e se os pais dos alunos estao dizendo,nao adiaanta mentir!!!
 
RAFAEL ALVES em 14/05/2013 20:30:57
Chega ser ilário tudo isso, rsrsrsrs daqu a pouco todo mundo vai querer que a prefeitura de calçados, roupas, óculos, creme de pentiar, se tá ruim lá imagina na casa dessas pessoas, isso chama-se falta de planejamento familiar, se nem eles tem como dar isso e querem cobrar. quem não tem condições tem que repensar antes de colocar filho no mundo.
 
Nilvo Cesar Talaveira Rojas em 14/05/2013 20:27:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions