A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

10/06/2013 08:58

Mais de duas toneladas de maconha são apreendidas em Campo Grande

Luciana Brazil e Paula Maciulevicius
Josué foi preso em flagrante. Edilson está internado na Santa Casa. (Foto:Simão Nogueira)Josué foi preso em flagrante. Edilson está internado na Santa Casa. (Foto:Simão Nogueira)

Mais de duas toneladas de maconha foram apreendidas e três pessoas foram presas na madrugada de hoje (10), em Campo Grande. O entorpecente foi localizado em duas abordagens policiais, e nos dois casos, a droga era transportada em caminhonetes cabine dupla. Ao todo, a apreensão totalizou 2.075,6 quilos da maconha.

A maior quantidade estava escondida em uma S-10, onde a polícia encontrou mil quilos e cem gramas de maconha. E na caminhonete Ranger havia 975,6 quilos da droga.

Por volta das 4 horas da madrugada, Josué Domingues da Silva, 40 anos e Edilson Caires Rocha foram presos com 1,1 kg de maconha, transportados em uma caminhonete S-10.

Os suspeitos trouxeram a droga de Ponta Porã e passaram a ser monitorados pelos bairros de Capital. Segundo a polícia, viaturas fizeram o acompanhamento tático do veículo que começou no bairro Dom Antonio Barbosa.

Eles foram vistos próximos ao hospital do Pênfigo, em seguida na avenida Marechal Deodoro e no bairro Guanandi. Na avenida Ernesto Geisel, a polícia deu início a perseguição. Os suspeitos fugiram em alta velocidade. A polícia atirou nos pneus para evitar a fuga. O condutor acabou perdendo o controle da caminhonete e bateu em um poste de energia, na avenida Tirson de Almeida.

Com o impacto da batida, Edilson foi atingido na cabeça e precisou de socorro. Ele está internado na Santa Casa. Para a polícia, os envolvidos disseram que a droga seria para abastecer Campo Grande e não seria levada para fora.

A outra apreensão aconteceu por volta de 1 hora, na saída para Sidrolândia. Depois de receber uma denúncia anônima sobre uma caminhonete Ranger, os policiais fizeram duas barreiras, uma próxima ao núcleo industrial e a segunda na rotatória da saída para Sidrolândia.

Mesmo depois de receber ordem de parada, o condutor do veículo, Renato Paulo Silva, 28 anos, furou o primeiro bloqueio. Na segunda barreira, Renato jogou o carro em direção aos policiais que precisaram reagir com tiros de pistola calibre .40. Os tiros atingiram os pneus dianteiros e traseiros do veículo.

Mesmo tendo sido atingido, Renato continuou a fuga. Na estrada para gameleira, Renato perdeu o controle da caminhonete e se jogou contra um morro de terra. Ele ainda tentou fugir a pé, após a batida, mas foi alcançado depois de 500 metros de perseguição.

No veículo estavam 975,6 kg de maconha, divididos em 652 tabletes. O veículo tinha registro de roubo em São Paulo.

A ação policial foi articulada pelo 1° e 10° batalhão da PM (Polícia Militar), e Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais).



Meus parabéns, bem que ouvi tiros pela madrugada daqui de casa, e que Deus abençoe sempre vocês!!!
 
Ana Camilla em 10/06/2013 11:18:17
Parabéns a força policial que realmente contribuem para a segurança da nossa família, prendendo essa cambada de bandido que acabam com famílias.
 
WANDERLEY OLIVEIRA LIMA em 10/06/2013 11:14:25
Parabéns aos policiais pelas prisões. Apesar da visível falta de estrutura da nossa PM, continuam efetuando grandes apreensões em nossa cidade! Governador, tá na hora de olhar com carinho pra ponta da PM! Comprar viaturas, fardamentos, armamento...
 
Carlos Moraes em 10/06/2013 10:25:12
Parabéns a Polícia Militar, menos um Tranquera com porcarias para aliciar nossos jovens.
 
Paulo Honorato em 10/06/2013 10:19:39
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions