A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 26 de Abril de 2019

08/03/2019 23:07

Membro do PCC que estava foragido é preso com armamento, droga e R$ 5,2 mil

Adriano Fernandes
Dinheiro, munições e arma apreendidos com o suspeito. (Foto: Divulgação/PM) Dinheiro, munições e arma apreendidos com o suspeito. (Foto: Divulgação/PM)
Bicicleta que havia sido trocada por drogas. (Foto: DivulgaçãoPM) Bicicleta que havia sido trocada por drogas. (Foto: DivulgaçãoPM)

Apontado como integrante da facção PCC (Primeiro Comando da Capital) e fornecedor de drogas na Capital, Edenilson Alexandre Menezes, de 30 anos, foi preso nesta sexta-feira (08) em Campo Grande ao ser flagrado com arma, munições e mais de R$ 5,2 mil em dinheiro.

O flagrante ocorreu na região da Vila Nhanhá, próximo da Avenida Manoel da Costa Lima.Edenilson, também conhecido como “mano” conduzia uma picape Strada, onde também estava a sua namorada, de 21 anos, e o filho, de 3 anos. Na bolsa da jovem os policiais militares encontraram uma pistola calibre 9 milímetros, além de uma porção de cocaína pura e R$ 5,290 mil. 

“Acreditamos que ele tenha passado na Nhanhá para receber das bocas de fumo, por isso estava armado. Também usava a criança como álibi para não ser abordado pela polícia”, comentou o sargento Leonardo Diarte, do 1º BPM (Batalhão da Polícia Militar) responsável pela abordagem.

Ao ser parado pelos policiais o suspeito ainda teria apresentado uma CNH (Carteira Nacional de Habilitação) falsa. No entanto, a equipe não só descobriu a farsa, como também que Edenilson era evadido do presídio da Gameleira, desde agosto de 2018.

Ainda durante o trabalho de investigação os policiais conseguiram recuperar na região da Nhanhá uma bicicleta, roubada, avaliada em R$ 3 mil, mas que tinha sido trocada por drogas, muito abaixo do valor de mercado, cerca de R$ 200,00. Um celular também foi apreendido.

No aparelho, os policiais encontraram uma imagem em que o suspeito aparece ostentando a arma ao lado de um colega. O caso foi encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro. Receptação, trafico de drogas, porte de arma e uso de documentação falsa, são alguns dos crimes que o suspeito foi autuado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions