A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

25/03/2011 13:18

Ministério da Integração nega recursos para Capital e frusta Nelsinho

Ítalo Milhomem
 Ministério da Integração nega recursos para Capital e frusta Nelsinho

O prefeito Nelson Trad Filho (PMDB) voltou decepcionado de Brasília diante da negativa do Ministério da Integração em liberar recursos para Campo Grande, que decretou estado de emergência pelos estragos da chuva.

“As persperctivas não são boas, mas temos que entender que o governo da presidente está apenas començando e há muitas demandas. Estamos com a nossa bancada federal pleiteando os recursos federais necessários para as obras. Nós vamos continuar a fazer nossa parte, são 11 equipes de tapa-buracos em toda cidade”, afirmou Nelsinho.

Trad revelou que a prefeitura já investiu cerca de R$ 2 milhões na recuperação de Campo Grande e que já entrou com o projeto no Ministério da Integração pedindo R$ 45 milhões para as obras na cidade, mas espera pelo menos a liberação de R$ 20 milhões nos próximos meses.

Cratera no Nova Lima - O secretário de obras de Campo Grande, João Antonio De Marco, afirmou que não há previsão para recuperar a cratera formada pelas chuvas dos últimos meses no bairro Nova Lima, que já ameaça algumas casas próximas a cratera.

Segundo De Marco, até momento não foi feita nenhuma intervenção no local, porque ainda há a dependência da liberação dos R$ 45 milhões pleiteados pelo município junto ao governo federal para as obras para recuperação da cidade, solicitados nesta semana em Brasília.

Após a vinda dos recursos, a prefeitura deverá fazer as obras de drenagem e e pavimentação no local e o preenchimento do buraco gradativamente explicou o secretrário.

As declarações do prefeito e do secretário de obras foram dadas durante a inauguração do Ceinf (Centro de Educação Infantil), Professora Adriana Nogueira Borges, no Jardim Presidente.

Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...
Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...


é so tirar o monte de diretor que tem no hospital um verdadeiro cabide de emprego cada um quer ser mais estrela que o outro so pensam no que vai ser creditado na conta no final do mes, um monte de funcionarios que ficam zanzando pelso corredores feito zumbis e serviço que é bom nada- a produtividade lá é 5% só muita gente e pouco serviço executado tomem vergoinha CABIDÃO DE EMPREGOS . Usem melhro a grana da população bando de desonesto s
 
severino delmondes em 26/03/2011 10:12:53
Com dinheiro ou sem dinheiro, pelo menos a gente vê que a prefeitura está fazendo a parte dela, os buracos que eu tinha visto estão todos tapados.
 
Rudney Freitas em 25/03/2011 04:44:25
Nosso prefeito é empenhado e não irá desistir de sensibilizar o governo federal logo da primeira vez. Como disse a matéria, ele vai se reunir com os deputados e senadores para que a verba saia, a situação não só em Campo Grande mas em todo o MS é triste e precisamos recuperar a cidade. E se o prefeito precisar fechar a torneira, como ele disse na tv Morena, todos nós temos que colaborar, cada um fazendo sua parte dá certo. Mas você vai conseguir Nelsinho!
 
Teresa Rachel Ramalho em 25/03/2011 04:42:33
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions