A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

24/05/2014 10:54

Moradores da região norte da Capital comparam frio ao mesmo de Ponta Porã

Helton Verão
Moradora Iraci tremendo de frio atendeu nossa reportagem e compara o clima com Ponta Porã (Foto: Marcelo Victor)Moradora Iraci "tremendo" de frio atendeu nossa reportagem e compara o clima com Ponta Porã (Foto: Marcelo Victor)
Mariuza precisou agasalhar os filhos cada um com duas peças (Foto: Marcelo Victor)Mariuza precisou agasalhar os filhos cada um com duas peças (Foto: Marcelo Victor)
Morando há 22 anos no local, Rosalina recomenda chá, sopas e caldos no frio (Foto: Marcelo Victor)Morando há 22 anos no local, Rosalina recomenda chá, sopas e caldos no frio (Foto: Marcelo Victor)

A chuva e o frio chegaram de vez a Mato Grosso do Sul e deve aumentar ainda mais nos próximos dias. Moradores da região norte da cidade, próximo a saída de Cuiabá, têm o “azar” de sentir mais frio que em outros pontos da cidade.

“Aqui é muito mais frio que em outros lugares. Tenho reumatismo, então sinto muito mais frio. Meus ossos doem quando a temperatura baixa. Acho que por isso não gosto muito do frio”, comenta a dona de casa Iraci Alves, 63 anos.

Morando há 11 anos no bairro Montevidéu com os três filhos, a baixa temperatura obriga a todos a usarem meias, cobertas e casacos e mais casacos.

Iraci é natural de Ponta Porã, e compara. “Esses dias de frio está me fazendo lembrar de Ponta Porã”, avalia.

Outra moradora da região, Mariuza da Silva, 26 anos, agasalhou bem os dois filhos, de dois e seis anos para sair de casa. “Cada um está com dois casacos. A nossa região é mais fria, se no centro está frio, aqui está muito mais”, ressalta a dona de casa.

Há 22 anos no bairro, a doméstica Rosalina Aparecida, 50 anos, explica que por ser uma região mais baixa o frio é mais intenso. “Aqui é baixada, sempre que começa o frio geralmente é por aqui. A tendência é piorar, já que junho pra mim é o pior mês de frio. O pior está por vir”, profetiza.

Rosalina da a dica ainda sobre como melhor se alimentar nesta época. “Muito chá, caldos e sopa, essa é a alimentação com esse frio”, recomenda.

Previsão – O Inmet prevê chuva forte e com possibilidade de rajadas de vento amanhã em todas as regiões. As temperaturas devem oscilar entre 12º C e 29º C. Na Capital, os termômetros vão marcar entre 15º C e 26º C.

Apesar da ligeira alta no domingo, as temperaturas despencam no início da semana, segundo o Inmet. No Estado, os termômetros vão marcar entre 5º C e 23º C. A onda gelada fica maior na terça-feira, com mínima de 3º C e possibilidade de geadas na região sul do Estado.

Campo Grande não deve ter geada, mas a mínima pode chegar a 5ºC na segunda-feira. O Climatempo e o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) divergem sobre a mínima. Os dois institutos prevêem mínima entre 5º C e 7ºC no início da semana.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions