A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

04/07/2014 09:32

Moradores vivem “ilhados” à espera de conclusão de asfalto em bairro

Aliny Mary Dias
José guarda mapa de asfalto do bairro distribuído há um ano durante inauguração de parte da obra (Foto: Pedro Peralta)José guarda mapa de asfalto do bairro distribuído há um ano durante inauguração de parte da obra (Foto: Pedro Peralta)

Isolados em quatro quadras, assim se sentem os moradores do Jardim Aero Rancho que vivem há mais de um ano a expectativa de ver a rua da casa onde mora asfaltada. As obras fazem parte do programa estadual MS Forte 2 e passaram por períodos de lentidão em razão de demora na liberação de recursos, de acordo com o Governo.

O aposentado José Alves tem 70 anos e é um dos moradores que mais aguardava a pavimentação no Jardim Aero Rancho. Ele vive na Rua Poços de Caldas e hoje vive a frustração de ter visto todas as máquinas irem embora em abril e nunca mais voltarem.

“A gente achou que iam fazer tudo, assim como prometeram. Mas em abril os trabalhadores começaram a juntar tudo e um deles me disse que em duas semanas voltariam, mas até hoje nada”, conta o aposentado que até guarda um mapa distribuído na época da inauguração de parte do asfalto. A rua deles e de vizinhos consta como “asfalto a executar”.

Ao todo, são quatro quadras que receberam os trabalhos iniciais para receber a capa asfáltica, entre eles a instalação de balizas que indicam o local onde os meios-fios seriam construídos. Mas até agora só há poeira nas ruas e insatisfação por parte dos moradores.

“Ficamos felizes quando vimos nosso bairro asfaltado, gente que esperava isso há muito tempo. Mas esperamos tanto que logo nessas ruas não fizeram”, diz Elias José Dias, 59 anos.

Manilhas ficaram nas ruas e equipes sumiram há três meses, segundo moradores (Foto: Pedro Peralta)Manilhas ficaram nas ruas e equipes "sumiram" há três meses, segundo moradores (Foto: Pedro Peralta)
Aposentado vive há mais de 40 anos em bairro e espera asfalto (Foto: Pedro Peralta)Aposentado vive há mais de 40 anos em bairro e espera asfalto (Foto: Pedro Peralta)

Outro que viu as máquinas pesadas irem embora e se depara com os restos de manilhas deixadas pelas equipes é José Pedro da Cruz, de 81 anos. Ele vive há mais de 40 anos no Jardim Aero Rancho e quando chegou no local tudo era mato.

Com o aumento da população, o progresso chegou e a região até se tornou a mais populosa de Campo Grande. Agora o que aposentado quer é ver a rua asfaltada e nunca mais conviver com o barro em dias de chuva e a poeira no tempo seco. “Parece que esqueceram da gente, perdemos até a esperança, mas quem sabe um dia voltam e terminam tudo”, explica.

A assessoria de imprensa do Governo do Estado disse ao Campo Grande News que a obra enfrentou lentidão em razão de trâmites burocráticos para liberação de recursos ao fim de cada etapa. Atualmente, segundo a assessoria, as obras estão na última fase, mas não há previsão para conclusão.

Durante as intervenções na região de uma das etapas das obras, inaugura há um ano, foram instalados 8,3 mil metros lineares de tubulação e implantados aproximadamente 111,6 mil metros quadrados de asfalto no quadrilátero formado pelas Avenidas Costa de Mello, Graciliano Ramos e as Ruas Raquel de Queiroz, Charlote, Berta Lúcia, Santa Quitéria e Filipinas.

Moradores prendem suspeito de assaltar mulher com criança no colo
Armado com uma faca, Igor Mateus Lima da Costa, 19 anos, assaltou uma mulher que estava com o filho no colo e acabou preso por moradores. O caso acon...
Homem de 30 anos é esfaqueado e fica em estado grave
Bartolomeu Gomes de Araújo Barbosa, 30 anos, ficou gravemente ferido após ser atingido a golpes de faca no abdômen, na noite de ontem (12), na Rua Bo...
Após documento vazar, Sesau diz que hemogramas não foram suspensos
A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) afirmou que os hemogramas continuam sendo feitos na rede pública de saúde de Campo Grande. A informação inici...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions