A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/02/2016 11:42

Morcego com raiva é encontrado em bairro e cães recebem vacina

Natalia Yahn
Exército atua desde terça-feira (16), no combate à dengue no Bairro Guanandi, onde também foi encontrado morcego com vírus da raiva. (Foto: Fernando Antunes)Exército atua desde terça-feira (16), no combate à dengue no Bairro Guanandi, onde também foi encontrado morcego com vírus da raiva. (Foto: Fernando Antunes)

Um morcego com o vírus da raiva foi encontrado no Bairro Guanandi, em Campo Grande. O caso foi confirmado pelo CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), órgão ligado à Sesau (Secretaria Municipal de Saúde).

O animal foi enviado para análise – na Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) – há uma semana, e teve o vírus confirmado há dois dias. Porém o caso só foi divulgado nesta quinta-feira (18), com o início de uma campanha de vacinação dos cães que vivem no bairro.

Equipes do CCZ iniciaram o reforço da vacina contra raiva canina nesta quinta-feira, eu trabalho de visita em cada residência vai continuar até amanhã (19).

O CCZ não revela o local exato que o animal foi encontrado, mas explica que a vacinação será reforçada em várias quadras do bairro. Hoje o trabalho foi concentrado na Rua Jataí.

Os cães do bairro foram vacinados há um mês e, por conta da confirmação de raiva no morcego encontrado na semana passada, a imunização é reforçada.

Casos – Em setembro do ano passado agentes de endemias do CCZ atuaram na região do Bairro Itanhangá onde também foi encontrado um morcego com o vírus da raiva. Por conta disto, os técnicos vacinaram cães e distribuindo material informativo, orientando os moradores e comerciantes sobre as medidas adotadas, em caso de aparição de morcegos nas residências e estabelecimentos.

A orientação principal dada pelos agentes é que donos de cães mantenham atualizada a vacinação antirrábida de seus animais domésticos. Além de ser um dever dos criadores, esta atitude protege os animais e quem convive com eles.

No caso do morcego, se for encontrado na residência ou comércio, a equipe do CCZ retira o animal. Para imobilizá-lo, deve-se colocar um balde em cima dele até a chegada dos agentes de endemias. Enquanto isto, não deixar que cães e gatos se aproximem do mamífero.

O Centro de Controle de Zoonoses funciona das 7h às 21h. Para o caso de o morcego ser localizado depois desse horário, deve-se mantê-lo sob o balde e, na manhã seguinte, acionar a equipe do CCZ. Os técnicos não fazem captura de morcego em árvores, apenas emimóveis, estando o animal vivo ou morto.

Doença – A raiva é uma doença que pode ser transmitida do animal ao homem, causada por vírus e é mortal tanto para o animal como para os seres humanos. É transmitida pela saliva de um animal doente através da mordida, arranhão ou lambedura. O cão e o gato são transmissores, mas outros animais como o morcego, o macaco e a raposa também podem ser transmissores da raiva.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions