ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  21    CAMPO GRANDE 23º

Capital

Morre policial ferido em acidente causado por condutor embriagado

Edivaldo Bitencourt | 05/04/2013 08:37

Morreu, às 17h35 de ontem na Santa Casa de Campo Grande, o soldado da PM (Polícia Militar), Gilliard Félix da Silva, de 31 anos, que ficou na colisão causada por um motorista bêbado na madrugada do dia 25 de março deste ano.

Ele conduzia uma Saveiro, quando uma caminhonete Ford Ranger, dirigida por Edson Moreira, de 42 anos, invadiu a contramão e causou a colisão na BR-163, perto do macro anel rodoviário de Campo Grande, na saída para Cuiabá.

Lotado no pelotão do bairro Nova Lima, do 9º Batalhão, Gilliard ficou preso nas ferragens e teve fraturas no fêmur, lesões no joelho, antebraço e cabeça. Ele ficou internado por 10 dias na Santa Casa de Campo Grande, onde faleceu. O velório acontece na Pax da rua 13 de Maio, em frente ao hospital.

O condutor do acidente continua preso. A juíza da 2ª Vara Criminal de Campo Grande, Larissa Castilho da Silva Farias, concedeu a liberdade provisória do condutor sob pagamento de fiança de três salários mínimos. Ele pediu a redução do valor de R$ 2.034 porque não tem condições financeiras. A magistrada negou o pedido porque o condutor vai continuar preso, porque tinha um mandado de prisão em aberto no Paraná.

O teste do bafômetro dele, segundo a PM, constatou 1,04 mg/l. Ele não sofreu ferimentos por conta do airbag da caminhonete.

Nos siga no Google Notícias