A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

26/10/2015 17:48

Motociclistas puxam redução no número de acidentes fatais na Capital

Michel Faustino
Mesmo com redução, motociclistas continuam sendo as maiores vítimas do trânsito. (Foto: Marcos Ermínio)Mesmo com redução, motociclistas continuam sendo as maiores vítimas do trânsito. (Foto: Marcos Ermínio)

O número de motociclistas que morreram no trânsito de Campo Grande caiu 32%, passando de 68 casos para 46, na comparação entre os meses de janeiro a outubro de 2014 e 2015. É a primeira queda desde 2010, de acordo com informações do GGIT (Gabinete Gestão Integrada de Trânsito).

No geral, o saldo também é positivo, com redução de 25% dos acidentes fatais no período citado. Caiu de 95 para 71 vítimas fatais.

Neste ano,o mês de setembro foi o que mais registrou 15 mortes no trânsito na Capital. Foram registrados óbitos. Desses, dez foram de motociclistas, dois ciclistas, dois condutores e um pedestre.

Janeiro e fevereiro tiveram, cada um, seis mortos em acidentes. No primeiro mês do ano foram quatro motociclistas, um pedestre e um condutor. No seguinte, três motociclistas, um ciclista, um pedestre e um condutor.
Março teve cinco vítimas, todas elas pilotavam motos. Em abril foram quatro mortos, sendo três motociclistas e um pedestre.

Ano passado, foram 98 vítimas acidentes com mortes no trânsito tendo uma queda em torno de 8% em relação a 2013, que foram 106 óbitos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions