ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SEGUNDA  15    CAMPO GRANDE 19º

Capital

Motorista que atirou em idosa se apresenta à polícia e é liberado

Crime aconteceu na noite do último dia 9, próximo à Avenida Gunter Hans, no Jardim Tarumã

Por Viviane Oliveira | 17/06/2024 10:36
Fachada da Santa Casa, onde a vítima continua internanda na Santa Casa (Foto: arquivo / Campo Grande News) 
Fachada da Santa Casa, onde a vítima continua internanda na Santa Casa (Foto: arquivo / Campo Grande News)

Rafael da Conceição dos Santos, de 30 anos, que atirou numa técnica de enfermagem, de 60 anos, em briga de trânsito na noite do último dia 9, se apresentou à polícia 4 dias após o crime e vai responder em liberdade. A vítima foi socorrida em estado grave à Santa Casa, onde permanece internada recebendo atendimento médico.

Conforme o delegado Sam Ricardo Aranha Suzumura, da na 6ª Delegacia de Polícia Civil, o rapaz foi interrogado pela autoridade policial e indiciado por homicídio qualificado com emprego de arma de fogo na forma tentada. Ele negou que tivesse fazendo o racha. A pistola usada no crime foi apreendida.

"Ele foi interrogado e apresentou a versão dele, que contém a confissão quanto à tentativa de homicídio, mas diverge da versão do motorista do Ranault Sandero", disse o delegado. O caso segue sob investigação.

Discussão no trânsito - O crime aconteceu no Jardim Tarumã, após discussão de trânsito, em Campo Grande. De acordo com o boletim de ocorrência, o filho da técnica de enfermagem, condutor de um Renault Sandero, contou que estava acompanhado da família - a mãe, que é a socorrista do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), a esposa dele e os quatro filhos pequenos.

Ele seguia pela Avenida Marinha e no cruzamento com a Rua da Península, percebeu que dois veículos praticavam um suposto racha, um Audi vermelho e um Astra de cor escura. Para evitar um acidente, o motorista do Sandero desviou dos dois veículos e quando chegou próximo à Avenida Gunter Hans, parou para esperar a passagem pelo cruzamento.

Neste momento, o Audi colidiu na traseira do Sandero e, na sequência, ocupantes dos outros dois veículos, desembarcaram e foram até o carro da família. O motorista do Astra desferiu um tapa no peito do condutor do Sandero, o chamando de "folgado". Já Rafael que dirigia o Audi sacou uma pistola e apontou em direção à vítima, que se assustou e tentou se esquivar, momento em que o suspeito disparou.

 O tiro atingiu a idosa, que estava no banco de trás do Sandero com o neto de 5 meses no colo. A bala transfixou para o abdome. O filho, em desespero, procurou a unidade de saúde do bairro e a mãe foi socorrida em estado grave. Os suspeitos fugiram e a polícia foi comunicada.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias