A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

12/05/2016 09:45

MPE recomenda fim do teste físico em concurso público da Prefeitura

Recomendação leva em consideração a falta de autorização legal para aplicar

Mayara Bueno
MPE-MS. (Foto: Arquivo)MPE-MS. (Foto: Arquivo)

O município deve retirar do edital de concurso público a exigência de teste de aptidão física, isso no caso de certames para agendes de saúde e de endemias. É que o MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) recomendou ao prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), a revogação de um item que previa a exigência.

Segundo o Ministério Público, o argumento é de que o Executivo Municipal não possui autorização legal para obrigar este tipo de teste. Mas, esclarece que o pedido e a possível retirada do item não impede o prosseguimento regular do concurso.

Também pede ao município não condicione o acesso a qualquer cargo público à exigência de realização do TAF (Teste de Aptidão Física), durante o concurso público, caso não ocorra prévia autorização legal e alinhamento com a natureza do cargo.

O prefeito tem o prazo de cinco dias, a contar do recebimento do documento, para se manifestar quanto ao acatamento ou não do pedido. A recomendação, medida de caráter extrajudicial, ou seja, sem o acionamento da Justiça, foi publicada no Diário Oficial do Ministério Público desta quinta-feira (12). 



Prefeito Bernal, por favor, acaba com este TAF. Tanta gente querendo trabalhar. A prova escrita foi super difícil. Poucos passaram.
 
Rozana em 13/05/2016 17:55:47
Nossa!!! Tomara que o Prefeito Bernal acate esta recomendação. Tanta gente querendo trabalhar e é derrubada no teste físico, especialmente o de corrida. Um bom trabalhador se mede nas avaliações periódicas em serviço. Tem gente de mais idade que tem muita energia e dedicação ao trabalho que não passaria numa prova física e tem jovens bombados que são moles e sem iniciativa na hora do trabalho. A prova escrita já foi de uma dificuldade muito grande, poucas pessoas foram aprovadas comparadas ao número de inscritos, então já estão mais que avaliados. E ainda tem os exames médicos. Prefeito, acaba com este sofrimento de tantas pessoas que reprovaram no teste físico mas querem muito trabalhar.
 
Rozana em 13/05/2016 17:49:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions