A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

04/12/2017 19:12

Mulher de corretor morto com golpe na cabeça depõe nesta terça-feira

Nyelder Rodrigues e Geisy Garnes

A mulher do corretor imobiliário Ivan Júnior Marquezan da Cunha, encontrado morto na sexta-feira (1) após levar um golpe com um bastão de beisebol, irá se apresentar nesta terça-feira (5) à Polícia Civil e prestar depoimento.

Dirléia Patrícia Monteiro Paes, de 38 anos, é a principal suspeita de cometer o crime. Nesta segunda-feira (4), o advogado dela, André Bueno Guimarães, procurou a 6ª DP (Delegacia de Polícia Civil) para acertar a apresentação.

"Ela está muito abalada e tem total intenção de se apresentar. Já deixamos agendado para amanhã à tarde", comenta Guimarães, que também levou à delegacia fotos de Dirléia com vários hematomas para justificar a versão dela.

Dirléia afirma que discutiu e foi agredida pelo marido. O delegado que cuida do caso e que vai ouvir a versão dela, Valmir Moura Fé, já fez a solicitação para que a mulher passe por exame de corpo de delito.

Por ora, a perícia também tenta recuperar as imagens das várias câmeras de segurança da casa, que foram deletadas no dia do crime. Caso a recuperação dos arquivos seja bem sucedida, as imagens devem embasar a investigação.

Existe a hipótese de que mais de uma pessoa - ou seja, além de Dirléia - tenha participado do crime. Ivan morreu dormindo, conforme constatou a perícia na hora do crime.

Quem o encontrou na cama foi a filha, com o bastão de beisebol ao lado. Ela foi imóvel depois de estranhar a ausência do pai no trabalho. No local, a jovem encontrou as portas trancadas e acionou a polícia.

Segundo a família da vítima, após o crime, Dirleia arrombou a imobiliária do marido e roubou dinheiro e documentos. O roubo foi confirmado pela polícia, que ainda não liga o fato ao homicídio. O casal estava junto há dez anos e divergências começaram depois que o marido descobriu desvio financeiro da esposa.

Além disso, o irmão de Dirléia já teria tentado matar o corretor em outra ocasião. Na fuga, ela levou uma Mitsubishi Pagero de cor verde e o filho do casal de nove anos que possui necessidades especiais, além de um Ford Fusion.

Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions