ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SÁBADO  05    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Na noite mais fria do ano, centro de acolhimento recebeu 79 pessoas

Termômetros marcaram a mínima de 3ºC, com sensação térmica de -3ºC; Durante o dia pessoas em situação de rua podem ficar no Centro POP

Por Yarima Mecchi | 18/07/2017 09:44
Morador de rua dormindo no centro de Campo Grande. (Foto: Marcos Ermínio)
Morador de rua dormindo no centro de Campo Grande. (Foto: Marcos Ermínio)

Na noite mais fria do ano em Campo Grande, o Cetremi (Centro de Triagem e Encaminhamento do Migrante) recebeu 79 pessoas para dormir, sendo que 56 estavam em situação de rua e outros 23 são migrantes. Segundo o meteorologista Natálio Abrahão, os termômetros marcaram a mínima de 3ºC, com sensação térmica de -3ºC.

O local possui 100 vagas e teve camas sobrando nesta noite gelada. A Prefeitura de Campo Grande explicou por meio de nota que são feitas abordagens nas ruas da cidade, mas os indivíduos não são obrigados a seguir com a equipe.

"Muitos não aceitam e/ou estão sob efeito de álcool e outra drogas, pois sabem que sendo encaminhados ao Centro Pop, eles irão ficar sem os entorpecentes. Os indivíduos abordados que não aceitam recondução para o Cetremi, recebem cobertores e orientações", explica a prefeitura por meio de nota.

Durante a ação desta noite foram entregues seis cobertores pela equipe da SAS (Secretaria de Assistência Social). Durante o dia as pessoas em situação de rua podem ficar no Centro POP, que tem capacidade para atender 80 pessoas. No local eles são orientados sobre os serviços, encaminhados para tratamentos em serviços públicos. Na manhã de hoje 57 pessoas estão acolhidas. 

"Os que desejam, e quando possível, tem suas famílias de origem localizadas, são encaminhados para solicitação de documentos, recebem atendimentos psicossociais, bem como, desenvolvem sociabilidade, buscando os vínculos interpessoais (famílias, amigos) que dão a oportunidade de construírem novos projetos de vida", destaca o município.

A equipe da SAS percorre as ruas da cidade até às 23h e após esse horário atende as denúncias que podem ser realizadas através do telefone funcional (67) 98405-9528.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário