A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

10/06/2018 09:23

Nova licitação para pavimentar Jardim Bellinate deve ser aberta em 15 dias

O projeto está 31% concluído e não teve empresas interessadas em concluir o serviço no loteamento

Geisy Garnes e Kleber Clajus
Ruas do Complexo Bellinate não tiveram interessados em concluir projeto (Foto: PMCG/Divulgação)Ruas do Complexo Bellinate não tiveram interessados em concluir projeto (Foto: PMCG/Divulgação)

Depois da licitação para a conclusão das obras de pavimentação do Complexo Bellinate ser encerrada por falta de empresas interessadas em concluir o serviço no loteamento, a Prefeitura de Campo Grande deve abrir um novo processo em 15 dias. O investimento previsto inicialmente é de R$ 1.951.315,56.

Conforme o diretor geral da Dicom (Diretoria de Compras e Licitação), Ralphe Cunha Nogueira, na sexta-feira (8) a secretaria solicitou abertura de um novo processo licitatório e também a atualização da tabela de preços para o serviço. A estimativa é que a licitação seja reaberta no máximo em 15 dias.

A licitação anterior buscava retomar intervenções iniciadas em 2014 na Região Urbana do Imbirussu. A obra foi paralisada há três anos, quando empreiteira optou por rescindir contrato com a prefeitura e as demais classificadas não demonstraram interesse no empreendimento, financiado pelo PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) Pavimentação. O projeto está 31% concluído.

As obras previam 640 metros de drenagem e 2,4 quilômetros de pavimentação em 14 vias: as ruas Margarida Machado, Edward Quirino Lacerda, Antônio Canovas, Alberto de Almeida Junior, Altino Almeida Salgado, Colhereiros, Mutum, Francisco Terra, Pindaré, Ivolândia, Morro do Pilar, Glauber Rocha e Mario D’Avila e a travessa Antonio Serra Silvério.

O trecho da avenida Wanderlei Pavão entre as avenidas Júlio de Castilho e Professor José Barbosa Rodrigues, em uma extensão de quase um quilômetro, seria recapeamento. A via é um dos principais acessos ao Jardim Aeroporto.

Sem a licitação, a obra permanece inacabada e em alguns trechos sequer iniciada. Na rua Morro Pilar, por exemplo, há trechos asfaltados, mas sem meio-fio, calçada e sinalização. O trecho entre a Julio de Castilho e a rua Francisco Torraca Bellinati, tem asfalto em metade da pista, enquanto no restante foi feito apenas a imprimação – estágio anterior à pavimentação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions