ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, TERÇA  25    CAMPO GRANDE 29º

Política

Novo secretário de Desenvolvimento Econômico vai ouvir comerciantes do Centro

Empossado hoje, Ademar Silva Júnior fará reuniões para discutir problemas enfrentados por empresários

Por Caroline Maldonado | 19/04/2024 12:35
Secretário-adjunto da Sidagro, Pedro Espíndola de Camargo; secretário Ademar Silva Júnior; prefeita Adriane Lopes (PP); secretário de Governo, Marco Aurélio Santullo; deputado estadual Carlos Auberto David, o "Coronel David"; e presidente da Câmara Municipal, vereador Carlos Augusto Borges, o "Carlão" (PSB). (Foto: Caroline Maldonado)
Secretário-adjunto da Sidagro, Pedro Espíndola de Camargo; secretário Ademar Silva Júnior; prefeita Adriane Lopes (PP); secretário de Governo, Marco Aurélio Santullo; deputado estadual Carlos Auberto David, o "Coronel David"; e presidente da Câmara Municipal, vereador Carlos Augusto Borges, o "Carlão" (PSB). (Foto: Caroline Maldonado)

Empossado nesta sexta-feira (19), o titular da Sidagro (Secretário Municipal de Inovação e Desenvolvimento Econômico), Ademar Silva Júnior, terá reunião com empresários para ouvir as demandas, em especial do Centro. Médico-veterinário e produtor rural, Ademar afirmou que quer trabalhar “fazendo parcerias, independente de questões políticas”. Ele assume a vaga do empresário Adelaido Vila, que deixou o cargo para se candidatar a vereador.

Ademar não descarta a ideia de desconto no IPTU (Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana) aos proprietários da Rua 14 de Julho para que o custo do aluguel possa baixar, facilitando investimentos na região.

A proposta foi levantada em audiência na Câmara Municipal em novembro do ano passado. Hoje, durante a posse, o presidente da Casa de Leis, vereador Carlos Augusto Borges, o “Carlão” (PSB), pediu que o novo secretário avalie essa possibilidade.

“Acredito que essa pode ser sim uma boa ideia, vamos olhar, vamos sentar com todos os vereadores, em especial com o presidente Carlão, entender qual é a ideia da Câmara e se for possível e se for o que realmente esses empresários, esses comerciantes do Centro querem, por que não a gente já fazer essa execução? A gente precisa primeiro entender efetivamente os anseios e as soluções”, comentou Ademar.

O secretário também pretende se inteirar do projeto de lei já aprovado pelos vereadores para a volta da cobrança do estacionamento rotativo. A concessão poderá ter duração de 12 anos, podendo ser prorrogada pelo mesmo período, caso seja sancionado pela prefeita Adriane Lopes (PP), o projeto com as alterações dos vereadores. O texto prevê cobrança em 6.200 vagas no Centro e alguns bairros.

Ligado ao PP (Progressistas), o secretário foi convidado por Tereza Cristina no auxílio de transição de trabalho, quando a senadora assumiu o Mapa (Ministério da Agricultura e Pecuária), em 2019.

A prefeita, no entanto, disse que a nomeação não é fruto de indicação política da senadora, mas sim uma escolha com foco na experiência e perfil técnico de Ademar. Ele, por sua vez, destacou que conhece a prefeita há pouco tempo e, justamente por isso, agradeceu pela confiança.

“Acredito que nós vamos projetar Campo Grande, trabalhar e trazer resultados nesse tempo para a população e para todos que residam na nossa cidade”, disse a prefeita, ao dar as boas-vindas.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias