ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 33º

Capital

“O autor está à solta, zomba da nossa dor”, protesta família de barbeiro morto

Conhecido como Batata, Rodiney Rodrigues foi morto em 23 de julho por amigo de infância

Aline dos Santos e Cleber Gellio | 27/08/2022 17:00
Família de Rodiney Rodrigues fez manifestação neste sábado. (Foto: Henrique Kawaminami)
Família de Rodiney Rodrigues fez manifestação neste sábado. (Foto: Henrique Kawaminami)

A família do barbeiro Rodiney Rodrigues, de 31 anos - conhecido como "Batata" e assassinado em 23 de julho - fez protesto neste sábado (dia 27) para cobrar punição. A mobilização foi na praça do Conjunto Habitacional Cohab,  em Campo Grande, mesmo local do crime.

“O autor está à solta, zombando da nossa dor. Sim, zombando. Porque se fosse ao contrario nem aqui na Cohab viria mais. Ele passeia como se não tivesse feito nada. Meu Deus, cadê a nossa Justiça? Ele tirou uma vida”, disse Maria Silva da Costa, 54 anos, mãe do barbeiro.

Ele fez um emocionado discurso, lembrando que o filho já havia sobrevivido a uma grave covid, que havia tomado 75% dos pulmões, e a acidente automobilístico. Também destacou o sofrimento da família, principalmente do filho de Rodiney, e a fé em Deus para enfrentar os percalços.

“Meu neto de sete anos, não tem mais o seu pai parceiro e amigo. E ele colocou um desenho com os dizeres, no peito de seu pai naquele caixão: ‘Vai com Deus pai. Eu te amo’”.

Amigos e familares de Batata usaram camisetas com frases em sua homenagem. (Foto: Henrique Kawaminami)
Amigos e familares de Batata usaram camisetas com frases em sua homenagem. (Foto: Henrique Kawaminami)

Ela prosseguiu falando de saudade. “Não obstante a tudo isso, tenho os meus filhos que sofrem a falta de seu irmão Rodiney. O pai dele também sofre muito esta dor da perda. Não podemos esquecer da dor na alma dos seus primos e dos amigos mais chegados também. A nossa saúde física foi abalada brutalmente. Vocês não têm noção”.

Pai da vítima, Robinson Lima Rodrigues, 58 anos, disse que busca Justiça para viver em paz. A família usou camisetas com frases ditas por Batata.

O autor do homicídio foi identificado como Eryck Rodrigues, amigo de infância do barbeiro. De acordo com Boletim de Ocorrência, o irmão da vítima contou que os amigos estavam ingerindo bebidas alcoólicas na praça do Conjunto Habitacional Cohab, quando houve uma discussão. O autor sacou a arma de fogo e efetuou dois disparos contra Batata. Eryck se entregou dias depois do crime, confessou a autoria e foi liberado.

Nos siga no Google Notícias