ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 30º

Capital

Operação "caça" agressores de mulheres na Capital

Equipes saíram às ruas no início da manhã para cumprir mandados de prisão

Por Dayene Paz | 01/03/2024 06:31
Equipes da Deam durante cumprimento de mandados em Campo Grande (Foto: Divulgação)
Equipes da Deam durante cumprimento de mandados em Campo Grande (Foto: Divulgação)

Em alusão ao Mês Internacional da Mulher, agressores são alvos de operação da Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), na manhã desta sexta-feira (1º). Intitulada "Deam por elas", equipes saíram às ruas para cumprir mandados de prisão.

Em nota, a especializada informou que 20 policiais cumprem as ordens judiciais em Campo Grande. "A operação teve início às 5h e deve terminar por volta das 9h", informou a delegada Elaine Cristina Benicasa. Os presos serão encaminhados para a sede da Deam, que fica na Casa da Mulher Brasileira.

A delegada ressaltou na nota que durante todo o mês de março serão realizada ações contra violência doméstica.

A última operação contra agressores em Campo Grande ocorreu em setembro do ano passado. Intitulada de Shamar, a ação cumpriu seis mandados de prisão contra homens que estavam desrespeitando medidas protetivas e continuavam se aproximando das vítimas.

No dia 21 de fevereiro, a Capital registrou o primeiro feminicídio do ano. Joelma da Silva André, de 33 anos, foi golpeada por nove facadas pelo marido, Leonardo da Silva Lima, de 37. O crime aconteceu na casa onde moravam, no Núcleo Industrial, e foi presenciado por duas filhas da vítima. Ele foi preso em flagrante.

Joelma chegou a denunciar o marido por violência doméstica e pediu medida protetiva de urgência - que impede a aproximação do agressor. No entanto, entre os meses de março e maio de 2023, compareceu à justiça e pediu a revogação da medida.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias