A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

20/10/2017 09:10

Operação nacional contra pedófilos já prendeu 1 em Campo Grande

Coordenada pela Senasp e pela Polícia Civil de São Paulo, operação busca suspeitos de compartilhar fotos de crianças na internet

Anahi Zurutuza e Bruna Kaspary
Delegada Marília de Brito Martins (à esquerda) ao sair da DEPCA para cumprimento de mandados (Foto: André Bittar)Delegada Marília de Brito Martins (à esquerda) ao sair da DEPCA para cumprimento de mandados (Foto: André Bittar)

Um homem foi preso durante o cumprimento de mandados da Operação Luz da Infância, que mira pedófilos e acontece simultaneamente 24 Estados brasileiros e no Distrito Federal. O primeiro alvo da força-tarefa da Polícia Civil em Campo Grande acaba de chegar algemado para prestar depoimento na Depca (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente).

O Campo Grande News apurou que outros dois mandados serão cumpridos na Capital. A Depca não confirma quantos alvos tem na cidade, mas a reportagem apurou ainda que equipes estão nas ruas desde às 6h. Os detalhes são mantidos em sigilo para não prejudicar as investigações.

Segundo a imprensa nacional, para a operação foram expedidos mandados busca e apreensão e também de condução coercitiva - quando o suspeito é levado para depor.

O preso em Campo Grande, entretanto, foi flagrado com arma e drogas. “Tinha tudo na casa dele”, afirmou o delegado titular da Depca, Paulo Sérgio Lauretto, sem dar mais detalhes.

Os outros dois delegados da unidade, Marília de Brito Martins e Fábio Sampaio, ainda estão nas ruas da cidade comandando o cumprimento de mandados.

A megaoperação, que envolve ao menos 1 mil policiais, combate o compartilhamento de imagens de crianças, que é crime segundo o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), é coordenada pela Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública) junto com a Polícia Civil de São Paulo. Uma delegada da capital paulista é a responsável.

Conforme apurou o G1, até agora, ao menos 82 pessoas foram presas em flagrante. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions