A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

19/06/2011 10:23

Pai, mãe e filha de 9 anos ficam por 8h amarrados e refém de bandidos

Nadyenka Castro e Ana Paula Carvalho

Um suspeito foi preso

Osiel foi flagrado com a caminhonete roubada e está preso. (Foto: Simão Nogueira)Osiel foi flagrado com a caminhonete roubada e está preso. (Foto: Simão Nogueira)

Uma família de Campo Grande ficou por oito horas refém de bandidos na sua própria casa, no bairro Tiradentes, em Campo Grande, entre a noite desse sábado e a madrugada deste domingo. Os bandidos fugiram com carro, joias, documentos e eletrônicos. Um dos suspeitos foi preso.

Era por volta de 19h30min quando o protético de 30 anos foi surpreendido na sala da sua residência por um soco na cabeça desferido por um bandido.

A esposa dele, de 24 anos, tomava banho com a filha, de nove anos. Ao saírem do banheiro foram rendidas pelo assaltante que mandou que elas se vestissem.

Em seguida, o bandido que rendeu a família e um comparsa colocaram as três pessoas na dispensa, amarraram as pernas e as mãos do casal com cadarços de tênis que encontraram pelo imóvel e mandaram todos deitar com a cabeça para o chão e os cobriram com edredom.

Os dois bandidos ficaram na dispensa, mas a família ouvia barulhos vindos dos demais cômodos da casa. Entre 3h e 3h30min, os assaltantes ‘abandonaram’ as vítimas, as quais perceberam que não havia mais nenhum assaltante no local.

A mulher conseguiu se soltar e desamarrou o marido. Eles saíram do pequeno cômodo e acionaram a Polícia.

Voltinha- Enquanto a informação sobre o roubo era passada às viaturas da PM (Polícia Militar), uma delas, do 10º Batalhão, já havia abordado o veículo, no bairro Aero Rancho, sem saber do crime.

O condutor, Osiel Ramire Gonçalves, 25 anos, foi abordado porque deu uma ‘fechada’ no carro oficial. Além de Osiel, estavam na Ranger três adolescentes com idades entre 16 e 17 anos.

De acordo com declarações das jovens à Polícia Civil, elas ingeriam vodka com refrigerante em frente à casa de uma delas, quando Osiel passou e as convidou para dar uma volta.

Elas aceitaram. “A gente queria dar uma voltinha”, falou uma delas ao Campo Grande News. Enquanto faziam o passeio, Osiel ‘fechou’ a viatura e acabou sendo abordado.

Ford Ranger roubada em residência do Tiradentes. (Foto: Simão Nogueira)Ford Ranger roubada em residência do Tiradentes. (Foto: Simão Nogueira)

Surpresa - Os policiais, que até então não sabiam do roubo, verificaram que a situação do veículo era legal, mas o motorista não era habilitado. Diante da situação, uma das meninas chamou o avô para tirar a caminhonete do local.

Quando o avô chegou, os policiais foram informados, pelo rádio, sobre o roubo da caminhonete e perceberam que estavam com o veículo ali. Osiel, o qual declarou ser morador do bairro Nova Lima, e as garotas foram levados à Depac/Piratininga.

Prisão - Apesar de negar envolvimento no crime, Osiel foi autuado em flagrante por roubo qualificado pelo uso de arma de fogo, concurso de duas pessoas e restrição de liberdade das vítimas, de acordo com informações do delegado Higo Arakaki.

As adolescentes foram liberadas após ter sido verificado que elas não têm relação com o crime.

Osiel apresentou duas versões à Polícia sobre estar dirigindo o veículo. A primeira é que estava na casa de uma irmã no Aero Rancho quando lá chegaram alguns rapazes e ofereceram o carro para ele dar uma volta.

A segunda é que homens encapuzados entraram na residência da irmã dele e entregaram a Ranger para ele.

Pai de um menino de quatro anos, Osiel falou que não participou do roubo. “Não foi eu. Eles estão equivocados”, disse referindo-se à Polícia e às vitimas.

Osiel tem passagem pela Polícia por briga no trânsito. Um dos irmãos dele está preso por roubo.

Suspeitas- O casal disse que suspeita que os autores do crime também tenham envolvimento com a morte do cachorro deles. O animal morreu envenenado há cerca de 15 dias.

Há suspeitas também que mais de dois bandidos tenham participado da ação que resultou no roubo da Ranger, joias, notebook, documentos pessoais da mulher e eletrônicos. Somente o carro e os documentos foram recuperados.

Mudança- A família mora no imóvel há aproximadamente um ano e agora já afirma que irá trocar de endereço.

Conforme a mulher, a filha ficou o tempo todo quieta e está assustada. Enquanto os pais resolviam as questões burocráticas a menina ficou com os padrinhos.

Investigação- A responsabilidade sobre o caso é da Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Crimes de Furtos e Roubos de Veículos).

Por enquanto, o Serviço de Investigações Gerais da Depac/Piratininga procura por mais autores do crime.

Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


Esse sujeito e os demais deveriam receber uma punição, alias todos aqueles que roubam as pessoas de bem. Só a prisão é pouco, acho que cortar as mãos e 20 anos de prisão é suficiente. Pensando bem o que deve ser feito é colocar em praça pública com várias opções de tortura; como era feito na Europa no período medieval.
 
joao ribeiro em 20/06/2011 05:22:10
E ainda qurem "afrouxar" ainda mais nossa legislação penal. Cadeia nesses bandidos!!!
 
MARCELLO MENDES em 19/06/2011 10:45:42
Acredito que as investigações darão resultados positivos, só não entendo por que a Poícia ostensiva não resolve tais problemas, suspeitos não são abordados e nem operações são feitas,estamos nos tornando reféns da bandidagem!!!!!!!!!
 
Paulo Wilson de Amorim Ravaglia em 19/06/2011 09:26:33
Graças a DEUS esta família não foi vítima de coisa pior, e a melhor coisa que fazem é ir morar em outro lugar; já que eles não teram mais sossego neste endereço. E torco para as equipes da DEFURV E DERF trabalhando juntas pegem estes marginais desgraçados e os coloquem atras das grades oonde é o lugar destes vermes que vivem no meio da nosssa sociedade. " O SENHOR É MEU PASTOR E NEDA ME FALTARA".
 
Ramao Rodrigues em 19/06/2011 05:21:20
Uma salva de palmas para esses bravos Policiais Militares que apesar do pouco reconhecimento do governo e da população em geral arriscam suas vidas para que todos tenha uma vida segura e protegidas com seus bens.
 
edmur conceição de paula em 19/06/2011 02:21:13
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions