A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

03/04/2016 19:21

Palestra sobre restrição de doutrinação nas escolas acontece na segunda

Proposta semelhante é objeto de projeto polêmico em Campo Grande

Mayara Bueno

Educação sem doutrinação será tema de palestra na OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil seccional de Mato Grosso do Sul), na segunda-feira (4), a partir das 19 horas. Fruto de um movimento de pais e estudantes, a palestra defende o combate de doutrinação política e ideológica nas escolas.

Segundo informações da Ordem, o Movimento Escola sem Partido foi criado em 2004, com o intuito de combater a doutrinação, bem como a usurpação, pelo governo, escolas e professores, do direito dos pais sobre a educação religiosa e moral de seus filhos.

O movimento prevê a afixação de cartazes com os deveres do professor, maneira de informar os alunos sobre o direito que eles têm de não ser doutrinados por seus professores. O palestrante que vem a Campo Grande amanhã é o procurador Miguel Nagib, um dos idealizadores do grupo.

Ideia semelhante está contida em um projeto de lei aprovado pelos vereadores da Capital, de autoria do vereador Paulo Siufi (PMDB). A ideia restringe abordagens de assuntos como política, religião e sexualidade nas escolas, por parte dos profissionais de educação. A 'lei da mordaça' segue para análise do prefeito Alcides Bernal (PP), que pode vetar ou sancionar a matéria.

A reação negativa foi imediata por parte de representantes dos professores no município e Estado. Eles consideram retrocesso e já programaram reunião para elaborar campanha pelo veto. Nesta tarde também está previsto um protesto na Praça do Rádio.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions