ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 19º

Capital

Para sair do improviso, HU propõe reforma de unidade coronariana

Casa de saúde atende média de 37 pacientes por mês em cardiologia, com nove cirurgias na especialidade a cada 30 dias

Por Jones Mário | 18/09/2019 11:56
HU conta com apenas uma UTI Cardiológica, além de nove leitos para a especialidade (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)
HU conta com apenas uma UTI Cardiológica, além de nove leitos para a especialidade (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)

O Humap (Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian), localizado em Campo Grande, abriu licitação para concluir a reforma da UTI Cardiológica, também denominada de UCO (Unidade Coronariana). De acordo com a casa de saúde, hoje a unidade funciona em local improvisado, junto com as clínicas cirúrgicas.

A obra foi orçada em edital por R$ 167,7 mil. Segundo o hospital, com a reforma, a UTI passará a ocupar local mais adequado e estruturado para atender as especificidades dos pacientes com problemas coronarianos.

Ainda de acordo com o HU, a casa de saúde atende média de 37 pacientes por mês em cardiologia, com nove cirurgias na especialidade a cada 30 dias. Os números são referentes a 2018 e 2019.

O hospital universitário tem apenas esta unidade coronariana, além de nove leitos – cuja quantidade permanecerá a mesma após as reformas previstas.

As empresas interessadas em executar os serviços já podem protocolar as propostas. A vencedora será definida no dia 7 de outubro.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário