ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 20º

Capital

Paredes de casas para os ex-moradores do Mandela começam a ser erguidas

Moradias populares devem ser entregues em novembro deste ano, em quatro bairros da Capital

Por Idaicy Solano Antonio Bispo | 31/01/2024 12:22
Pelo menos três moradias já estão tomando forma em terreno no Jardim Talismã (Foto: Henrique Kawaminami)
Pelo menos três moradias já estão tomando forma em terreno no Jardim Talismã (Foto: Henrique Kawaminami)

Obra das casas destinadas aos ex-moradores da Favela do Mandela avançam e moradias começaram a tomar forma nos lotes localizados na Rua Jacinto Máximo Gomes, no Bairro Jardim Talismã, em Campo Grande.

A equipe de reportagem do Campo Grande News esteve no local na manhã desta quarta-feira (31) e encontrou as equipes a todo vapor. Cerca de três casas já estão com as paredes erguidas.

A líder da comunidade Mandela, Greiciele Naira Argilar Ferreira, disse que está acompanhando a obra "de perto", e a expectativa é de que a construção termine o mais breve possível. Segundo ela, 126 famílias continuam morando na região do Mandela, 55 estão em casas de parentes e 6 estão recebendo aluguel social.

“[Estamos] naquela ansiedade de ter nosso lares logo, depois do acontecimento [incêndio]”, diz a representante da comunidade.

Greice, representante da comunidade Mandela, diz que está acompanhando de perto as obras (Foto: Henrique Kawaminami)
Greice, representante da comunidade Mandela, diz que está acompanhando de perto as obras (Foto: Henrique Kawaminami)

O projeto das casas é da própria Prefeitura de Campo Grande, e a construção é de responsabilidade da empresa VBC Engenharia. Serão construídas 150 casas, com previsão de entrega para novembro deste ano.

Cada casa terá 34 metros quadrados, dois quartos, sala com cozinha conjugada e banheiro. Os lotes têm 10 metros por 20 metros.

As casas serão divididas em quatro bairros de Campo Grande. No bairro José Tavares são 44 lotes; no Talismã, 32; e no Iguatemi I e II, 74. O custo é de R$ 15 milhões.

Terreno localizado no Bairro Jardim Talismã, destinado à contrução de 32 casas (Foto: Henrique Kawaminami)
Terreno localizado no Bairro Jardim Talismã, destinado à contrução de 32 casas (Foto: Henrique Kawaminami)

Incêndio - Dezenas de famílias perderam tudo o que tinham em incêndio ocorrido em 16 de novembro, que destruiu quase todas as moradias improvisadas no Bairro Isabel Garden, no local conhecido como Favela do Mandela. A causa do desastre ainda é desconhecida.

As famílias, que ficaram sem ter onde morar após o incêndio, receberão 150 casas construídas pela Prefeitura de Campo Grande.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas  redes sociais.

Nos siga no Google Notícias