A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

01/02/2015 15:04

Pastor que ajudou enteada a reencontrar o pai sonha conhecer filha

Renan Nucci
Pastor Jorge espera encontrar a filha que não vê há muito tempo. (Foto: Marcelo Calazans)Pastor Jorge espera encontrar a filha que não vê há muito tempo. (Foto: Marcelo Calazans)

O pastor Jorge Rosa de Souza, 51 anos, incentivou a enteada a reencontrar o pai após 19 anos, em Campo Grande, e espera ter a mesma sorte. Ele não vê a filha há duas décadas, desde quando se separou da mãe dela. Ontem (29), recebeu a informação de que a moça de 22 anos foi encontrada e está em uma cidade no interior de Mato Grosso do Sul. Resta apenas a confirmação do contato para agendar o reencontro.

Ele conheceu a mãe da jovem enquanto integrava o MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra). Eles conviveram por cerca de um ano em residência na Vila Carlota, mas quatro meses após o nascimento da filha o casal se separou. “Não havia entendimento. Ela (a esposa) tinha o gênio muito forte e infelizmente não deu certo”, explicou.

A família se desfez e todos perderam contato. Depois de muitas buscas, o pastor encontrou a filha recentemente em uma página na internet, e tentou contato por várias vezes, mas sem sucesso. “Eu me apresentei, disse o que fazia e que era o pai dela. Até pedi desculpas pela ausências, no entanto, as mensagens nunca foram respondidas”, alegou.

Jorge vive hoje no Jardim Itamaracá e é casado com Tereza Araújo Rodrigues de Souza, 47 anos, mãe de Prisciane Araújo da Silva, 19 anos. Ontem, ele levou a enteada para reencontrar o pai Antônio José da Silva, 62 anos, na 5ª Delegacia de Polícia da Capital, na Vila Piratininga. Na ocasião, ele ficou bastante comovido e disse sonhar com o dia em que poderá passar pelo momento igual ao de José, principalmente porque existe a possibilidade de que já seja avô. 

Ainda na delegacia, soube por meio da investigadora Maria Campos, referência no Estado em solucionar desencontros, que a filha havia sido encontrada, restando apenas o estabelecimento do contato. “As autoridades da cidade onde ela está já foram avisadas, e agora esperamos que ela demonstre interesse em conhecer o pai”, lembrou a investigadora. "Eu tenho fé em Deus que iremos nos encontrar. Minha inteção não é atrapalhá-la. Quero apenas que saiba que tem um pai disposto a ajudar", completou Jorge.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions