A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/01/2015 17:59

Pedestres, comerciantes e motoristas aprovam mudanças nas ruas do Mercadão

Daniel Machado
Acesso principal de veículos ocorrerá a partir da rua Anhanduí (Foto: Marcelo Calazans)Acesso principal de veículos ocorrerá a partir da rua Anhanduí (Foto: Marcelo Calazans)

A poucos dias do início das obras de reordenamento do trânsito do entorno do Mercadão Municipal e os comerciantes, motoristas e pedestres já aprovaram as obras que prometem dar mais segurança e fluidez à região.

É o caso do senhor João Carlos, que há 20 anos trabalha na peixaria do Mercadão próxima à rua 15 de novembro. Com a alteração do portão de entrada (da 15 de novembro para a Anhanduí), segundo ele, o trânsito ficará menos moroso.

“O gargalo principal é na Travessa José Bachman, os carros viram na 15 e logo já tem de a entrada do mercadão pela frente, alguns pegam a primeira faixa, outros vão em frente sentido Anhanduí, isso gera um tumulto. Essa alteração da entrada do estacionamento para a Anhanduí vai dar mais fluidez, melhorar 100% para nós que trabalhamos aqui”, disse.

A dona de casa Telma de Souza se mostrou mais preocupada com a segurança que as obras trarão à região, pois o próximo passo do projeto é a semaforização da lombada que liga o Mercadão ao Camelódromo. Apesar do formato de lombada, para reduzir a velocidade, e da faixa de pedestre, são poucos os veículos que dão a primazia para o pedestre atravessar em segurança. Por isso, será instalado um semáforo de três fases na área.

“Os motoristas esquecem que também são pedestres as vezes. Eu, sempre que estou de carro, paro para o pedestre passar, mas nem todos tem essa consciência, portanto apoio a instalação de semáforo aqui para organizar e dar mais segurança a todos”, disse.

O vendedor ambulante, Wellington Lira, trabalha bem ali na frente da faixa de pedestre e sabe como poucos como será importante a instalação de um semáforo na região. “A gente vê tanta coisa aqui, pedestre xingando motorista, motorista quase atropelando pedestre, só não vi nenhum atropelamento ainda, mas falta pouco”, falou.

Outro benefício para os motoristas ocorrerá na rua Anhanduí, que no quarteirão do Mercadão (onde virará mão única no sentido Fernando Corrêa da Costa) ganhará uma faixa exclusiva para estacionar os veículos.

Para Telma de Souza, os motoristas esquecem que também são pedestres, por isso ela aprova a instalação de semáforo na rua 15 de Novembro (Foto: Marcelo Calazans)Para Telma de Souza, os motoristas esquecem que também são pedestres, por isso ela aprova a instalação de semáforo na rua 15 de Novembro (Foto: Marcelo Calazans)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions