A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

31/10/2017 12:24

PF diz que operação no presídio cumpriu mandados em ação sob sigilo

Policiais federais com apoio do Batalhão de Choque buscavam provas para investigação sobre desvio de recursos públicos

Anahi Zurutuza
Presídio de segurança máxima de Campo Grande (Foto: Marina Pacheco)Presídio de segurança máxima de Campo Grande (Foto: Marina Pacheco)

A Polícia Federal confirmou que cumpriu mandados de busca e apreensão no Estabelecimento Penal Jair Ferreira de Carvalho, o presídio de segurança máxima de Campo Grande. A corporação informou, entretanto, por meio da assessoria de imprensa, que mais detalhes sobre a operação são sigilosos.

O Campo Grande News apurou que foram cumpridos mandados de busca e apreensão com o objetivo de coletar provas para investigação sobre desvio de recursos públicos. A PF, no entanto, enviou em nota que “o objetivo das medidas era a obtenção de provas para lastrear investigação sigilosa em andamento”, sem informar se os alvos eram presos ou funcionários do sistema carcerário.

Policiais federais tiveram apoio do Batalhão de Choque da Polícia Militar para entrar no presídio.

A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) também confirmou que a unidade do Complexo Penal foi alvo de operação nesta manhã, mas informou que só a PF pode falar do assunto.

“Por questões de protocolo de segurança, as informações sobre essa operação devem solicitadas especificamente à Polícia Federal. A Agepen está contribuindo com os trabalhos”, informou a assessoria de imprensa do órgão por meio de nota.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions