A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/12/2014 21:09

Plano prevê construção de 13 escolas e 2 hospitais para capital até 2017

Daniel Machado
Das novas escolas, duas serão de período integral, a exemplo da escola Iracema Maria Vicente (Foto: Arquivo/Campo Grande News)Das novas escolas, duas serão de período integral, a exemplo da escola Iracema Maria Vicente (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Campo Grande deve ganhar dois novos hospitais e 13 escolas, sendo duas de tempo integral até 2017. Pelo menos é o que garante o Plano Plurianual (PPA) de Campo Grande, publicado na edição desta segunda-feira (29) no Diogrande, Diário Oficial do município.

O Anhanduizinho, região mais populosa da capital, deverá receber um novo Centro de Educação Infantil (Ceinf), três novas escolas e quatro Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSFs). O bairro ganhará também asfalto e drenagem em 193 mil metros cúbicos e o Ginásio Poliesportivo Avelino dos Reis (Guanandizão) deve ser reformado.

A região urbana do Bandeira deve receber duas novas escolas, um Ceinf, 3 UBSFs e a reforma do prédio do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Planurb).

O PPA prevê para o Imbirussu a construção de duas escolas, um Ceinf, uma escola de tempo integral e cinco UBSFs.

Duas escolas e um Ceinf estão previstas também para a região do Lagoa, além de quatro UBSFs e a conclusão da obra de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Já a região urbana do Prosa poderá ter uma escola, um Ceinf, uma escola de tempo integral e três UBSFs, além da implantação de um Centro de Especialidades Odontológicas (CEO).

Quatro escolas, três Ceinfs e uma UBSF serão construídas na região do Segredo.

A região do Centro terá três novas UBSFs e reforma da Policlínica Odontológica.

Para o distrito de Anhanduí, o projeto prevê um novo Ceinf.

Hospital municipal – O PPA, de 2014 a 2017, prevê também a construção de um hospital municipal, um centro de diagnóstico e imagem e um laboratório municipal.

Além disso, há o projeto de construção de um hospital para tratar doenças tropicais.

Estão previstos também 250 novos pontos de ônibus e 350 coberturas para as paradas.

Dois terminais serão reformados, porém não foram especificados os nomes no PPA. Outros quatro terminais devem ser construídos.

Campo Grande terá ainda revitalização de oito praças e áreas verdes, um novo centro de controle integrado, a academia da Guarda Municipal, um centro olímpico de treinamento e a sede da Defesa Civil.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions