A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

19/06/2013 11:41

PM descarta usar tropa de choque e espera manifestação pacífica

Aliny Mary Dias
Organização de protesto se reuniu com o comando da PM (Foto: Cleber Gellio)Organização de protesto se reuniu com o comando da PM (Foto: Cleber Gellio)

Cinco jovens que organizam a manifestação marcada para amanhã (20) em Campo Grande e o Coronel Carlos Alberto Davi, comandante da Polícia Militar, se reuniram na manhã de hoje para definir o trajeto da passeata que promete reunir cerca de 30 mil pessoas na avenida Afonso Pena. As ações da polícia e a presença da tropa de choque também foram discutidas na reunião.

A polícia afirma que irá acompanhar o movimento e a tropa de choque não estará presente durante a manifestação. A reunião entre os organizadores e o comando da PM durou cerca de 1 hora no comando geral, localizado no Parque dos Poderes.

O encontro foi um pedido dos organizadores que protocolaram ofício solicitando apoio da polícia e da Ciptran (Companhia Independente de Polícia de Trânsito) durante a passeata. “A polícia não será ostensiva e nós apoiamos todo tipo de manifestação democrática”, afirma o comandante.

O efetivo da polícia que estará presente no trajeto não foi divulgado pelo comandante que descarta qualquer ato violento durante o protesto. “A polícia não trabalha com a hipótese de violência e confia nos organizadores que defendem um ato pacífico”, diz Davi.

Ambulâncias do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), do Corpo de Bombeiros, agentes da Ciptran e da Agetran (Agência Municipal de Trânsito) irão acompanhar a multidão. Segundo os organizadores, a concentração será às 17 horas na Praça do Rádio Clube e os manifestantes começarão a passeata às 18h30.

O itinerário definido em conjunto com a PM será o seguinte: os manifestantes saem da Praça do Rádio, seguem pela Afonso Pena em direção à Avenida Ceará, chegam até a Ricardo Brandão, se concentram em frente à Câmara de Vereadores, voltam em direção ao Shopping Campo Grande e depois retornam ao ponto inicial.

Dois trios elétricos serão posicionados no início e no fim da manifestação e servirão para a comunicação da organização com a população. Os organizadores afirmam que a data prevista para encerramento da passeata é 20 horas, mas que o horário pode ser prorrogado dependendo da quantidade de manifestantes.

Cinco estudantes de Direito de universidades particulares organizam a manifestação (Foto: Cleber Gellio)Cinco estudantes de Direito de universidades particulares organizam a manifestação (Foto: Cleber Gellio)

A avenida Afonso Pena será interditada e os agentes de trânsito irão indicar as rotas alternativas para os motoristas. Um dos organizadores do movimento é o estudante de Direito, Ângelo Lorenzo, de 18 anos. Ele lembra que o manifesto é um apoio aos protestos que acontecem em todo o País, mas também há reivindicações locais.

“Cada pessoa tem sua reivindicação, mas temos dois focos principais: o transporte público e a situação da saúde em Campo Grande”, explica o estudante.

Questionados sobre os recentes atos de vandalismo que aconteceram no fim dos protestos em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre, os organizadores do movimento campo-grandense afirmam repudiar qualquer ato violento.

“Nós estamos vendo que a violência está acontecendo no fim dos protestos e nós não queremos isso aqui. Por isso montamos uma comissão de segurança que ficará com rádios comunicadores para que qualquer incidente seja denunciado à polícia”, explica Vitor Del Campo, de 20 anos.

Em todo o Estado – O Coronel da Polícia Militar afirma que manifestações semelhantes já aconteceram e estão programadas para outras cidades do interior de Mato Grosso do Sul. Existem protestos marcados em Dourados, Três Lagoas, Coxim, Nova Andradina, Corumbá, Naviraí e Ponta Porã.



vamos p cima deles....eu apoio....vamos verificar tbm a contribuição que consta na taxa de iluminação...absurdo...pior tem um vereador de campo grande....q assinou isso...sem vergonha.,.fvr não aparece na manifestacao
 
jorge karekade campo grande em 21/06/2013 14:52:29
Penso que em toda a ação popular deve haver sempre uma certa organização, para se saber onde se encontrarão, qual o trajeto, contato com as autoridades para facilitação das ações desejadas, etc... E nesta manifestação organizada em Campo Grande não seria diferente. As mídias sociais simplesmente foram os meios de mobilização e organização que partiu de alguém, para a realização deste ato de repúdio pelas mazelas do estado e em apoio aos movimentos em todo o Brasil por melhores condições para todos os cidadãos brasileiros. Por isso não vejo maldade nestes jovens que se colocaram a frente desta manifestação para promover a ordem dos atos que acontecerão hoje. Nada de violência, mostremos que podemos ser também civilizados, democráticos e patriotas.Pra frente povo campo-grandense.
 
Paulo Oliveira em 20/06/2013 13:46:58
Essa notícia é falsa. Não há organizadores. São os políticos tentando tomar a frente dos protestos. Não permitam isso de forma alguma.

 
José dos Santos Fontes em 20/06/2013 08:49:20
Líderes do que?? Quem que escolheu esses caras?
Já estão querendo aparecer!!
Eles que não se cuidem não.
 
Samuel ROsa em 20/06/2013 08:40:38
parabéns a esses corajosos estudantes!!
 
daniela dias em 20/06/2013 00:58:20
A PM esta certa em não aparecer na manifestação pois eles são a prova viva do descaso dos políticos. Põe a vida em risco para salvar pessoas e prender criminoso que por "ajuda de políticos com suas leis" os põe nas ruas novamente, assim todo o trabalho feito pelos políciais não vale de nada e quem a população cobra(erradamente) são os policiais. O não comparecimento de polícias nas manifestações serve como protesto daqueles que perdem a vida e ganham um "ninharia" perto daqueles que ficam esquentado cadeiras e roubando o povo com suas corrupções! PMs e Civis fação o protesto também!
 
Alexandre de Souza em 19/06/2013 20:17:01
Não é uma manifestação popular, nacional, quem disse que esses estudantes são os lideres? é um movimento via redes sociais quem elegeu os acadêmicos de direito líder de protesto?
 
joão Henrique em 19/06/2013 20:05:38
óóó´, gostei dos temas, tinham que reivindicar a baixa da gasolina e dos preços no mc donalds que tão pela morte...
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 19/06/2013 18:00:15
esses caras não são líderes de nada! não representam nada, estão se auto intitulando
líderes! não me representam...
 
Everton Vanzella em 19/06/2013 14:59:59
Que predomine a paz!
 
Isaac Pancini Cacho em 19/06/2013 14:48:24
Sou membro do movimento estudantil aqui em nosso estado tenho filiação partidária e por este motivo preferi não encabeçar este movimento.

Só posso dizer que estou encantado com a forma que tudo isso começou e com as proporções que esta chegando. Em um futuro breve vamos colher os frutos plantados hoje por nós mesmos.

Vamos as Ruas jovens, adolescentes, adultos, avós e avôs.. vamos lutar pelo nosso país.. a estes cinco rapazes só espero que saibam que este movimento é do povo, para o povo e pelo povo..qualquer interferência politica partidária não será tolerada..

#OgiganteAcordou
 
Thiago Brandão em 19/06/2013 14:19:43
Realmente uma falta de respeito com a população esses jovens se autointitularem lideres de uma movimento que nasceu fora do nosso estado.

Queremos uma manifestação pacifica, sem bandeiras e sem promoção pessoal de jovens filiados a partidos políticos querendo aparecer somente para conseguir seus 15min de fama e de pois lançar uma candidatura a vereador.

Esse tipo de representação nós não queremos e nem mesmo achamos justa com a nossa pululação que esta saindo as ruas para dizer chega a toda essa podridão. Este movimento é do povo brasileiro e não de meia duzia de guris cagados.

#VemPraRuaCG
 
Ulisses Rocha em 19/06/2013 14:09:59
Parabéns aos organizadores da manifestação, que obtiveram o interesse de procurar as autoridades pública para proporcionar tamanho efeito, pois de forma alguma caracterizara como ilegal este protesto, pois está tendo ajuda da PM corpo de bombeiros e até mesmo o SAMU para atender a todos. Desta forma contamos com a colaboração de cada cidadão para que não haja abusos muito menos violência como houve nas demais capitais, já citadas!!

E estamos juntos nessa luta.. #vempraruacg
 
Ayron Doueidar Sandim em 19/06/2013 13:45:56
A policia também tem que ir pra rua protestar, pois ganha uma miséria e também tem família para cuidar!
Vamos pra rua Brasil!
 
Anderson Silva em 19/06/2013 12:07:49
Justas as manifestações. Afinal, estamos cansados de tanta barbaridade! Que este movimento se paute na inteligência, ética e decência, sem baderna, violência, saques e depredações. Com respeito ao patrimônio e ao próximo, este encontro tem tudo para ser legítimo. Boa sorte a todos nós. Sirvamos de exemplo. Dignidade e honestidade sempre! Que Deus nos abençoe! Acorda Campo Grande! Acorda Brasil! Acorda Mundo!
 
Silvana Marchewicz em 19/06/2013 12:06:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions